Belivaldo e a “Herança maldita”

Levantamento do Dataform confirma que má avaliação do governo estadual persiste, apesar do novo governador

O Instituto Dataform realizou pesquisa sob o registro junto a Justiça Eleitoral de número SE-07967/2018, contratada pela Central de Informações Comerciais Eireli – EPP, a pesquisa ouviu 1200 (mil e duzentas) pessoas entre os dias 15 e 19 de junho de 2018. A margem de erro é de 3%, com intervalo de confiança de 95%. Dentre outras questões, o Dataform quis saber a avaliação dos sergipanos quanto ao desempenho de Belivaldo Chagas (PSD) à frente do governo. Dentre os entrevistados, 215 não souberam ou não quiseram responder a pergunta: “como o (a) Sr(a) avalia a gestão do Governador Belivaldo Chagas?”, o que representa 17,90% do total. Excluídas essas “não-respostas”, os resultados não são nada animadores para o atual governador e pré –

candidato à reeleição. Para 42,4%, a gestão de Belivaldo é péssima; para 13,8%, é ruim; 32,7% a consideram regular; 9,6% o consideram bom; enquanto para apenas 1,4% trata-se de uma gestão ótima.Somando-se os índices regular, ruim e péssimo, a gestão de Belivaldo Chagas é reprovada por nada menos que 88,9% dos sergipanos. Dessa forma, tendo recebido das mãos do ex-governador Jackson Barreto (MDB) um governo mal avaliado, até o momento, pouco menos de três meses após sua posse, Belivaldo ainda não conseguiu reverter a tendência de desaprovação popular em relação ao Governo do Estado de Sergipe em sua atual gestão.

Fonte: Cinform

Comente: