Governo garante acesso à internet em mais de 96% das escolas estaduais

A meta da Secretaria de Educação é universalizar esse serviço e ainda disponibilizar o sinal, via rede wifi livre, em todas as 354 escolas estaduais
O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Educação, disponibiliza acesso à rede mundial de computadores (internet) e wifi livre nas escolas da rede estadual de ensino. Das 354 unidades de ensino, 96,6% delas já possuem acesso a internet e 55 escolas já disponibilizam o sinal wifi (Escola Aberta) em suas dependências, para uso de toda comunidade escolar.

De acordo com o diretor da Coordenadoria de Informática (Codin), o analista de sistemas Everton Siqueira, a meta é ampliar o sinal wifi para cem escolas até o fim do ano. “Estamos trabalhando para que este ano estejam contempladas cem escolas estaduais, totalizando aproximadamente 30% da rede, e continuaremos a implantação gradativamente para que possamos universalizar esse serviço até o final de 2018”, disse.

Para o secretário de Estado da Educação, Jorge Carvalho, a escola deve se apropriar das novas tecnologias de comunicação e inserí-la em suas rotinas pedagógicas. “Nosso trabalho é para que os estudantes possam utilizar as ferramentas digitais para pesquisas e para atividades complementares. A Seed está cumprindo o compromisso do Governo em promover uma educação pública de qualidade para essa estudantada e está, ainda, modernizando e reestruturando toda rede estadual de ensino”, destacou.

Os estudantes do Colégio Estadual Professora Maria das Graças Menezes Moura são exemplo disso. Tanto durante a aula, como após o término do período, os alunos do Colégio Gracinha, em Itabi, Escola Referência Brasil em Gestão Escolar, fazem uso da internet em seus celulares, tablets e nos computadores do laboratório de informática da escola.

“Agora ficou muito bom, pois posso usar meu celular para pesquisar conteúdos durante a aula e aproveito, também, para baixar arquivos para mim quando não estou em aula”, afirmou o pequeno Ruan Guilherme, aluno da oitava ano do ensino fundamental, sentando no pátio externo da escola.

Maic Bispo também usa o sinal wifi da escola em seu celular. Para ele, ter uma internet com alta velocidade onde estuda é uma vantagem. “Além dos jogos que participo online, o principal mesmo é as pesquisas que faço para reforçar o que estudo na aula”, afirma o estudante.

Comente: