Governo constrói quadra poliesportiva em escola estadual de Ribeirópolis

Foram investidos R$ 940.779,64 na demolição da antiga estrutura e construção do novo espaço, dotado de materiais resistentes e que possibilitam o acesso a pessoas com deficiência

A Escola Estadual João XXIII, no município de Ribeirópolis, recebe nova quadra poliesportiva com cobertura e arquibancada em suas instalações. Foram investidos R$ 940.779,64 na demolição da antiga estrutura e construção do novo espaço, dotado de materiais resistentes e que possibilitam o acesso a pessoas com deficiência.

Para o aluno Ramon Almeida Santos, 16, do 1º ano do ensino médio, a quadra veio atender um anseio antigo. “Pratico futsal há sete anos, e, junto com alguns amigos aqui do colégio participamos de alguns campeonatos. Muitas vezes, não tínhamos um local disponível para treinar, mas com a quadra aqui na escola se torna mais fácil. Sem contar que ficou excelente. Tem o tamanho ideal, piso muito bom, é coberta e tem arquibancada. Todos aprovamos essa construção”, afirmou.

Localizada na avenida Dr. Carlos Firpo, ao fundo da unidade educacional, a nova quadra ocupa 1.394,00 m² de uma área total de 5.684,00 m². Nela, há estrutura de pórticos pré-moldados em concreto armado onde foi feita aplicação de pisos em concreto pigmentado e em alta resistência, além de construção de mureta e arquibancada.

Gustavo Anjos Rezende, 15, pratica voleibol e disse que a quadra é uma realização para todos. “Assim que estiver liberada para uso, teremos um espaço adequado. Os demais alunos se sentirão estimulados a  praticar algum tipo de esporte e os professores de educação física não estarão limitados à sala de aula, tendo um local apropriado para desenvolver suas atividades”, analisa o estudante.

Para a diretora do estabelecimento de ensino, Ana Maria Costa Santos, a obra vem atender às necessidades. “Temos 590 alunos nos três turnos e, desenvolvemos no pátio interno, além das aulas de educação física e práticas esportivas, outras atividades, a exemplo de gincanas, saraus, entre outros eventos. Essa quadra foi a solução para dar fim ao desconforto, uma vez que além de espaçosa, é coberta e possui arquibancada. Foi um trabalho muito bem feito e que enche de orgulho não apenas os alunos, mas todos nós do corpo docente”, frisa.

Executada pela Secretaria do Estado da Infraestrutura e do Desenvolvimento Urbano (Seinfra), em parceria com a Companhia Estadual de Habitação e Obras Públicas (Cehop), a obra contemplou a construção de rampa para facilitar o acesso às pessoas com deficiência. A cobertura da quadra é em estrutura metálica e telha em alumínio trapezoidal e a iluminação interna é composta por luminárias modernas. Traves de futebol de salão, voleibol e estrutura de basquetes foram instaladas com as respectivas redes, além da demarcação com dimensões oficiais no piso e rede de proteção em nylon fixadas das muretas até o telhado.

Ao redor da quadra foram construídas calçadas em concreto simples, guarda corpo metálico e muro em todo o entorno. Também foram realizados serviços de instalações elétricas, rede de drenagem para captação de águas pluviais, evitando pequenos alagamentos e instalado um portão.

Lecionando em 10 turmas do colégio, o professor de educação física, Jeonildes Júnior, se mostra satisfeito com a edificação. “A escola não possuía um espaço adequado para o desenvolvimento das atividades. A quadra veio para promover interação maior com os alunos, incentivar ainda mais as práticas esportivas e facilitar o nosso trabalho, uma vez que agora teremos um lugar apropriado”, explica.

Segundo o secretário de Estado da Infraestrutura, Valmor Barbosa, a edificação é um instrumento de promoção social muito importante. “Nos últimos anos, o governador Jackson Barreto vem ampliando e construindo quadras esportivas nos oito territórios sergipanos, o que reforça o compromisso em contribuir para a qualidade de vida dos adolescentes, visto que o esporte é um poderoso instrumento para a criação de valores, estímulo da convivência, revelação de novos talentos e, sobretudo, uma das melhores maneiras de livrar os jovens de caminhos tortuosos. Muito em breve, todos poderão usufruir da quadra, já que só falta concluirmos a execução dos vestiários”, enfatiza.

Comente: