DOk Calçados se compromete com Governo de Sergipe na manutenção dos empregos de fábrica em Frei Paulo

A empresa Dok Calçados adquiriu a fábrica de calçados, administrada pela Vulcabras Azaleia, na região

Nesta quinta-feira(09), o governador Belivaldo Chagas recebeu em seu gabinete, no Palácio dos Despachos,  os representantes da empresa Dok Calçados, que adquiriu a fábrica de calçados, administrada pela Vulcabras Azaleia, no município de Frei Paulo. Participaram da reunião, o deputado estadual e presidente da Assembleia legislativa de Sergipe, Luciano Bispo; o prefeito de Frei Paulo, Anderson Menezes; o secretário de Estado da Fazenda, Marco Antônio Queiroz; o secretário de Comunicação e Turismo, José Sales Neto, o proprietário da DOK Calçados, Paulo Almeida; o presidente do Conselho de Administração da Vulcabras, Pedro Grendene Bartelle.

De acordo Belivaldo Chagas, o objetivo foi comunicar que a atual produção da fábrica não irá parar e 100% dos empregos serão mantidos, o que representa mais de 960 trabalhadores diretos.  “Nós estaremos ajudando no processo de transição. O Governo continua de braços abertos para todos que pretendam investir em nossa terra. A nova empresa continuará contando com os mesmos incentivos fiscais através do Programa Sergipano de Desenvolvimento Industrial- PSDI”, disse o governador que aproveitou para ressaltar o potencial energético em que vive o estado. “Sergipe está vivendo uma nova era em função do gás. É um momento promissor para o estado e para as empresas que querem empreender ”, colocou.

A Dock Calçados é uma empresa existe há dez anos, fabrica por volta de 10mil pares/dia, fora calçados injetados, chegando a 15mil pares/dia. Com sede na cidade de Birigui, São Paulo, possui cerca de 1300 colaboradores e exporta para alguns países, além de contar com unidades também fora do país. Segundo o diretor da Dok Calçados, Rodrigo Castro, a decisão de adquirir a planta em Frei Paulo foi devido a uma série de fatores favoráveis encontrados no estado. “Estudamos bem o negócio e compramos a estrutura da Vulcabrás/Azaléia, na região. Entendemos que é um bom investimento por pegar uma estrutura de uma empresa de alta tecnologia, com mão de obra já treinada, pronta. Além da questão dos incentivos do governo do Estado, e por ser um estado menor, isso é bom. Você fica próximo ao secretário, prefeito e do governador. Isso faz a diferença enorme, por isso estamos aqui”, disse Castro, acrescentando que o “gás é uma fonte de energia a mais para baratear o custo das empresas”.

Já o presidente do Conselho de Administração da Vulcabras, Pedro Grendene Bartelle, comentou sobre o processo de transição da indústria.  “A fábrica vai continuar produzindo. Estamos felizes quando a gente consegue somar. Então, a entrada de um novo empreendedor, gente jovem trabalhando, eu vejo como positiva e nós iremos continuar comprando sapatos deles. Eles vão manter os empregos e pretendem, quem sabe, crescer mais na produção”, enalteceu.

Manutenção dos empregos

Um dos pontos principais da reunião foi sobre a manutenção dos empregos, o que foi garantido pelo proprietário da DOK Calçados, Paulo Almeida. “Serão mantidos 100 % dos cargos, mais de 960 empregos. Quero agradecer a boa receptividade que tivemos por parte do povo, secretário, sindicato dos trabalhadores da cidade e do governador. Estamos a total disposição do Estado e das pessoas”, reforçou.

A notícia trouxe alívio para o prefeito de Frei Paulo, Anderson Menezes. “A gente fica feliz porque eles estão garantindo os postos de serviços e já com projeto para ampliação. Só tenho agradecer o governador que conseguiu, a partir do PSDI, manter a isenção dos impostos para indústria para ela poder permanecer por muito mais tempo, e agradecer esse novos parceiros que estão vindo ao nosso estado para continuar com o desenvolvimento”, pontuou.   

Comente: