Pelotão Ambiental registra dois flagrantes por crimes contra a fauna durante o domingo

O Pelotão de Polícia Ambiental (PPAmb), da Polícia Militar do Estado de Sergipe, registrou dois flagrantes de crimes ambientais contra a fauna, em Sergipe, nesse domingo, 2. Em ambos os casos foi constatado cativeiro ilegal de animais silvestres em residências.

Na primeira ocorrência, a equipe Arara 01 realizava policiamento de rotina na praia do Jatobá, no município da Barra dos Coqueiros, quando visualizou alguns pássaros expostos em uma residência. Na abordagem, uma mulher de 58 anos se identificou como responsável pelas aves, e, após autorização para entrada na casa, os militares contabilizaram seis aves, além de cinco jabutis, todos criados sem autorização dos órgãos ambientais. Diante do flagrante de crime ambiental os animais foram apreendidos e a infratora assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

O segundo flagrante ocorreu após a mesma equipe ter sido acionada pelo Ciosp para averiguar uma denúncia de aves em cativeiro no Bairro José Conrado de Araújo, na capital. Na Rua Mato Grosso, os policiais do PPamb constataram a veracidade das informações repassadas pelo denunciante, flagrando seis aves engaioladas em uma residência.

Um homem de 44 anos se apresentou como responsável pelos animais. E como não foi apresentada nenhuma documentação que autorizasse a manutenção dos animais em cativeiro, os espécimes foram apreendidos e um TCO foi lavrado no próprio local. Nos dois casos os infratores vão responder pelo crime descrito no artigo 29 da Lei 9.605/98 (Lei de Crimes Ambientais).

Informações de PM/SE

Comente: