PC prende mulher com 126kg de drogas que utilizava os quatro filhos para venda de entorpecentes

A Polícia Civil, por meio do Departamento de Narcóticos (Denarc) e da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol), deflagrou na manhã dessa segunda-feira, 9, no bairro Industrial, uma operação que resultou na prisão de A. P. P., 30, e na apreensão de 122 kg de maconha prensada, 2 kg de crack, 2kg de cocaína, duas balanças,sendo uma digital e outra de precisão, potes de fermento em pó, utilizado na mistura da cocaína, e duas cadernetas com anotações relacionadas a movimentação financeira do tráfico.

 

A operação coordenada pelo delegado Osvaldo Resende se iniciou há uma semana e foi desencadeada depois de uma denúncia feita através do Disque Denúncia, culminando no flagrante de Ana Paula com malas cheias de entorpecentes escondidas no interior de sua residência.

A informação de que a acusada estaria recebendo uma grande quantidade de drogas, levou os policiais a deflagrarem a operação. Os primeiros levantamentos realizados indicam que a droga veio do estado de São Paulo. A mulher, que até então não tinha passagens pela polícia, também é acusada de usar os filhos no tráfico.

De acordo com o diretor do Denarc, a droga trazida por via terrestre de São Paulo até Aracaju, seria vendida tanto para usuários quanto para outros possíveis traficantes da região. “Pela grande quantidade e pelas cadernetas apreendidas, a droga já tinha destino e seria vendida a curto prazo. Temos  agora 30 dias para colher mais infomações para a conclusão do inquérito”, disse o delegado.

Ainda segundo o diretor do Denarc, a droga estava armazenada no quarto das crianças, o que as colocava em maior risco. “O material entorpecente tem cheiro forte e poderia expor as crianças a sérios riscos de entoxicação”, ressaltou.

 

Osvaldo explicou ainda que a acusada era conhecida no bairro por distribuir as drogas na Grande Aracaju: “A. P. era velha conhecida no bairro Industrial, principalmente por usar os filhos menores de idade para distribuir as drogas. Após a prisão dela, os filhos foram encaminhados para casa de familiares e o caso foi comunicado ao Conselho Tutelar”.

Além de ser autuada em flagrante pelo tráfico de drogas, Ana Paula também responderá pelo crime de corrupção de menores.

Comente: