DAGV prende acusado de molestar criança de 7 anos

A Delegacia de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV) prendeu nessa quarta-feira, 17, Raul Pinto Azeredo Neto, 55 anos, acusado de molestar uma criança de sete anos, em uma festa de aniversário realizada na casa do preso, no início de fevereiro.

 

De acordo com a delegada, Thais Lemos, a mãe relatou que levou a filha para comemorar o aniversário de uma colega da escola. “Enquanto a menina estava na piscina com outras quatro crianças e mais o acusado, ocorreu o abuso. Ele utilizou os dedos para penetrar a criança, no meio aquático. A mãe não percebeu, ouviu um grito, mas acreditou ser alguma brincadeira. Somente ao chegar em casa, que a menina relatou o ocorrido. Ao ir dar banho na criança, percebeu manchas de sangue na roupa íntima e uma pequena fissura na genitália, encaminhando-a para o Instituto Médico Legal (IML), para que as providências fossem tomadas”, detalhou.

De acordo com a coordenadora do DAGV, o laudo do IML e o relatório apresentado pelas esquipes que desenvolveram o atendimento social e psicológico da criança embasaram o mandado de prisão de Raul, cumlminando na prisão do acusado na quarta.

Na casa do acusado, foi encontrada uma pistola 380 com mais de 100 munições, na qual ele possuía o registro. Além disso, foram apreendidos diversos materiais pornográficos, como prótese com genitália infantil, entre outros.

Raul estava em Sergipe há cinco anos, e possui processos no estado do Rio de Janeiro, por estupro de vulnerável, cárcere privado, disparo de arma de fogo e estelionato.

Comente: