Copcal e DRFV estão empenhadas em solucionar latrocínio que vitimou engenheiro

Denúncias podem ser feitas através do Disque Denúncia ou pelo app.
A Coordenadoria de Polícia Civil da Capital (Copcal), por meio da Delegacia de Roubo e Furto de Veículos (DRFV), será a responsável pelas investigações sobre o latrocínio do engenheiro Nicanor Moura, baleado durante assalto em frente a uma creche, no município de Nossa Senhora do Socorro, na tarde dessa terça-feira, 17.

Os delegados André Baronto e Hildemar Rios, coordenadores da Copcal e DRFV, respectivamente, estão engajados em elucidar o crime que chocou a sociedade sergipana.

A participação da população é primordial no que se refere a qualquer informação que leve ao paradeiro do autor do crime. O 181, do Disque Denúncia, ou o aplicativo Disque Denúncia SE estão à disposição da sociedade.

Comente: