Acusado de latrocínio contra dois sargentos da Polícia Militar morre em troca de tiros com a polícia

Leandro é o último foragido do latrocínio em que foram assassinados os sargentos da PM Adilson Ferreira e Roberto Lima

No início da manhã de hoje, 20, foi realizada uma operação integrada entre as polícias Militar e Civil, em que equipes do Companhia de Operações Especiais (COE) e Polícia Interestadual (Polinter), atuaram juntas para cumprir um mandado de prisão em desfavor de Leandro Soares dos Santos de 33 anos. Ele reagiu e entrou em confronto com a polícia disparando  com um revólver calibre .38 contra os policiais, que revidaram. O foragido foi alvejado e socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Leandro é o último foragido do latrocínio em que foram assassinados os sargentos da PM Adilson Ferreira e Roberto Lima, ocorrido em um restaurante no povoado Calumbi, município de Nossa Senhora do Socorro, em 3 de novembro de 2008. De acordo com o delegado Alessandro Vieira, existia um mandado em aberto contra o acusado desde 2012 e a Polinter entrou no caso há cerca de trinta dias, desde então, vem trabalhando em conjunto com a Polícia Militar na identificação e localização de Leandro.

Comente: