Cabo Amintas expõe proposta “duvidosa” por parte do dono da Empresa Torre

Na manhã desta terça-feira, 22, o vereador Cabo Amintas (PTB) utilizou a Tribuna da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) para apresentar um documento oficial de uma reunião ocorrida no Ministério do Trabalho, no último dia 15, na qual participaram representantes do órgão, sindicato dos empregados do setor de coleta de lixo, além dos proprietários das empresas Cavo e Torre.
Até aí, uma reunião como qualquer outra com o intuito de realizar uma negociação de aumento salarial para a categoria, não fosse uma proposta feita pelo proprietário da empresa Torre, José Carlos Dias Torres, durante a negociação.
De acordo com a ata da reunião, em determinado momento, o representante da empresa Cavo propõe um reajuste funcional de 4,95%. Já José Carlos, da Empresa Torre, oferece 10% de aumento, sendo que desses, 5% já seria concedido na folha retroativa ao mês de novembro e os outros 5% após a assinatura do contrato com o Poder Público da licitação que está em curso.
“Ele afirma que vai ganhar a licitação. Uma licitação que está em curso, o dono da Torre assume que vai ganhar. O pacote de novo está montado: volta a antiga diretoria da Emsurb, a Torre assume num documento oficial que vai ganhar a licitação e aí a gente fica calado? O dinheiro não é nosso né? O dinheiro é do povo. A cara de pau está aí”, critica Cabo Amintas.
Ele vai mais além: “aproveitando esse gancho, estou seguindo para Brasília hoje, porque vou tentar ajuda num nível superior, porque a corrupção está mais do que clara no nosso Estado. A nossa cidade está entregue. Infelizmente estamos de mãos atadas. Mas, a corrupção só serve para uma coisa, para o que interessa a eles, que é encher o bolso de dinheiro”, diz.
O parlamentar seguiu no início da tarde desta terça-feira para a Capital Federal, onde, além de compromissos partidários, ele também irá à sede da Polícia Federal protocolar a entrega de documentos referentes à Operação Babel, na esperança de que a instituição assuma as rédeas no combate à corrupção também em Sergipe.
Foto: César de Oliveira
Por Diego Rios, Assessoria de Imprensa do parlamentar

Comente: