BR-101: deputados têm papel importante em obra de duplicação

A retomada da duplicação da BR-101 em Sergipe, obra fundamental para a economia do Estado, mobilizou por diversas vezes a Assembleia Legislativa. O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Luciano Bispo (MDB), lembra que a bancada estadual esteve em Brasília para discutir a liberação de recursos juntamente com a bancada federal.

“A duplicação dessa rodovia que corta Sergipe de ponta a ponta é um projeto que já dura duas décadas e agora avança sem problemas. Temos acompanhado a situação aqui e em Brasília e o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, revelou seu desejo de concluir a obra este ano”, declara o presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Luciano Bispo (MDB).

O chefe do legislativo estadual sergipano afirma que Tarcísio Freitas prometeu concluir trechos que somam 22 quilômetros, ainda este ano. “Agora em fevereiro serão executados mais dez quilômetros, e até março, a ponte que liga Sergipe a Alagoas, em Propriá, estará liberada”, acrescenta Bispo. Segundo ele, a bancada estadual teve atuação destacada em 2019 garantindo a retomada dos serviços.

Um dos parlamentares que acompanha de perto o assunto é Zezinho Sobral (Pode), que foi o idealizador da Comissão Temporária de Representação Externa da Assembleia Legislativa, criada para fiscalizar as obras e cobrar a liberação de recursos. “Estamos em monitoramento constante. Constituímos a comissão, pedimos apoio da bancada federal, tivemos diversas reuniões no DNIT, em Aracaju, e na sede nacional. Estivemos em Brasília para uma reunião com o ministro da Infraestrutura”, observou Zezinho Sobral.

O deputado afirma que hoje as obras são uma realidade, especialmente o encabeçamento das pontes. Zezinho explica que o superintende do DNIT em Sergipe, Gustavo de Felippo, informou que até o Carnaval de 2020 a expectativa é a liberação de mais 10 quilômetros. “Há também recursos que foram aportados no final do ano, no remanejamento orçamentário e o órgão colocou mais cinquenta milhões de reais. As obras não estão paradas na BR 101”, comemorou. Obra de duas décadas, a BR 101 possui 206 quilômetros de extensão. A duplicação compreende 104 quilômetros.

O encontro em Brasília, com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, teve a participação dos deputados estaduais Luciano Bispo, Dilson de Agripino, Zezinho Guimarães e Talysson de Valmir, além dos senadores Maria do Carmo Alves, Alessandro Vieira e Rogério Carvalho, e dos deputados federais Bosco Costa, Fábio Henrique, Fábio Mitidieri, Fábio Reis e Valdevan Noventa. O  superintendente do DNIT em Sergipe, Gustavo de Felippo, integrou a comitiva.

Comente: