Programa ‘Investe Turismo’ dá maior visibilidade à Sergipe

Entre as rotas turísticas estratégicas estão as cidades de Aracaju e Canindé de São Francisco. O programa do Ministério do Turismo foi lançado nesta terça-feira (28) e beneficiará inicialmente 158 municípios das cinco regiões do país

Por meio de parceria entre o Ministério do Turismo,  Sebrae e Embratur, foi lançado nesta terça-feira (28), o programa ‘Investe Turismo’, uma iniciativa que receberá o investimento inicial de R$ 200 milhões para a promoção de ações que impulsionem o turismo e a geração de emprego e renda em rotas turísticas estratégicas. Na região Nordeste serão 56 municípios contemplados pelo programa, entre eles Aracaju e Canindé de São Francisco.

De acordo com o Ministério do Turismo, o programa envolve um pacote de ações que incentivam novos negócios e investimentos , voltados à melhoria dos serviços ofertados nas 26 regiões turísticas dos nove estados nordestinos. A meta é unir setor público e iniciativa privada para preparar e promover a competitividade de dez rotas turísticas estratégicas de toda a macrorregião.

Para o secretário de Estado do Turismo, Manelito Franco, Sergipe ganha maior visibilidade ao ser incluído no programa de abrangência nacional e internacional. “Estamos prevendo uma série de ações para divulgar esses municípios e fortalecer o nosso turismo. O Investe Turismo não pensa somente no turismo nacional, mas também na questão do turismo internacional, além de apresentar condições para que possamos captar investidores nacionais e estrangeiros, para que eles possam fortalecer ainda mais esses destinos”, declarou.

Com uma estrutura de gestão descentralizada e compartilhada, a execução do Programa Investe Turismo acontecerá por meio de um Comitê de Gestão Nacional (Ministério do Turismo, Sebrae Nacional e Embratur) e um Comitê de Gestão Estadual (Sebrae Estadual e Secretaria de Estado do Turismo). Ainda na implementação do programa serão criadas redes de cooperação, composta por representantes públicos e privados de cada rota.

Rotas

O roteiro turístico em Sergipe inclui, além da capital Aracaju (Polo Costas dos Coqueirais) e Canindé de São Francisco (Polo Velho Chico), os municípios de São Cristóvão (Polo Costas dos Coqueirais); Laranjeiras (Polo Costa dos Coqueirais); Itabaiana (Polo das Serras Sergipanas) e Estância (Polo Costa dos Coqueirais).

Ainda na Região Nordeste serão contempladas as rotas nos estados de Alagoas (Maceió e Costa dos Corais), Pernambuco (Recife, Olinda, Porto de Galinhas e Fernando de Noronha), Bahia (Salvador, Morro de São Paulo e Costa do Descobrimento) e Ceará (Rota das Emoções), onde serão dezenas de municípios serão beneficiados.  

“Esperamos por meio desse projeto, uma melhor qualificação dessas rotas turísticas do Brasil inteiro, composta por 158 municípios, e em Sergipe temos seis municípios fazendo parte. Entre os objetivos estão o desenvolvimento da governança integrada das rotas, maior eficiência na gestão empresarial, melhoria nos serviços prestados, acesso ao crédito facilitado para órgãos públicos e empreendimentos privados que já existam e potenciais investidores, além de melhorias na estrutura. O Ministério do Turismo vai criar uma cartilha de investimentos, por isso é interessante que a gente possa fazer com que os empreendedores daqui possam criar projetos e propostas que deem visibilidade para o nosso estado, efetivando o potencial do destino turístico”, ressaltou o secretário de Turismo.

Comente: