Comunidades rurais de Riachão do Dantas e Simão Dias recebem novos sistemas de abastecimento

Parceria entre Cohidro, Secretaria de Estado da Inclusão e prefeituras municipais viabilizou a conclusão das obras

O fornecimento de água passou a ser realidade para cerca de 230 famílias da zona rural do centro-sul sergipano, que vivem nas comunidades Laje Grande e Lagoas, em Riachão do Dantas; e Apertado de Pedras, em Simão Dias. O Governo do Estado, através da Companhia de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Irrigação de Sergipe – Cohidro, concluiu as obras de instalação dos novos sistemas de abastecimento em poços, perfurados e recuperados pela Companhia. As obras contaram com investimento estadual de aproximadamente R$ 24 mil para instalação. Os reservatórios de 5 mil litros foram adquiridos pela Cohidro através de convênio com a Secretaria de Estado da Inclusão e Assistência Social – SEIAS. Houve ainda a contrapartida das prefeituras municipais, na construção de tubulação e das bases para as caixas d’água. 

Em período de pandemia do coronavírus, o diretor-presidente da Cohidro, Paulo Sobral, destaca que o apoio da Secretaria de Estado da Inclusão Social (SEIAS) foi fundamental para a conclusão da obra, possibilitando a aquisição de 170 bombas, 110 reservatórios, 25.000 conexões e 12.600m de tubos. “O hábito de lavar as mãos é um dos principais meios de prevenção ao coronavírus e os moradores dessas comunidades podem agora contar com uma fonte de água. Mais uma contribuição da Cohidro e de seus parceiros ao combate dessa pandemia. As prefeituras de Simão Dias e Riachão do Dantas assumiram a administração dos poços e vão arcar com as taxas de energia elétrica para o bombeamento. Além disso, forneceram a mão de obra e a tubulação necessária para ligar os poços aos reservatórios, estes adquiridos por meio de convênio com a SEIAS. Através do Funcep (Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza), a secretaria possibilitou à companhia mais de R$ 1 milhão para a aquisição dos reservatórios e outros materiais para a instalação de poços”, informou Paulo Sobral. 

Seu Chico é morador do povoado Apertado de Pedras, em Simão Dias, e conta que doou o terreno para alocar o reservatório. “A obra ficou muito boa. É a comunidade que vai ser servida e eu estou feliz, estamos bem, porque vai ter água aqui na comunidade que nós estávamos precisando. Eu agradeço primeiramente a Deus, ao governador e o diretor dessa equipe da Cohidro, tudo gente boa”, disse Francisco. Para o seu filho, Luciano, “é um sonho realizado, porque todo mundo sabe que água é fonte de vida e a gente precisa. O nosso povoado é difícil em conseguir água. Tínhamos esse poço que estava desativado e a Cohidro ativou de novo. Hoje só temos a agradecer, estou muito feliz, como sei que toda comunidade também está”, comemorou o morador.   
 
Segundo o gerente da Divisão de Instalação e manutenção de Poços da Cohidro [Dipoços], Roberto Wagner, os técnicos da empresa atuaram na limpeza dos poços, instalação de novas bombas, de toda parte elétrica e dos tubos que levam a água do subsolo até a superfície. “Além dessa mão de obra, fornecemos, com recursos próprios da Companhia, as bombas novas, caixas de força, todo o cabeamento, tubos e conexões utilizados nesse serviço”. Em Apertado de Pedras, a prefeitura municipal custeou a compra dos 800 metros de tubulação, da saída do poço até o reservatório, e contou ainda com o apoio da comunidade nesta parte da obra. “É uma obra muito importante para a comunidade, que vai servir a todos nós. Eu só tenho a agradecer à Cohidro e ao prefeito”, disse o encanador e pedreiro Edson, que participou da montagem da tubulação, no poço de Simão Dias.

Comente: