Flamengo não passa de empate com a Chapecoense no Brasileiro

Rubro-Negro perde oportunidade de diminuir distância para Atlético-MG

O Flamengo empatou em 2 a 2 com a Chapecoense, na noite desta segunda-feira (8) na Arena Condá, em jogo válido pela 30ª posição do Campeonato Brasileiro.https://platform.twitter.com/embed/Tweet.html?creatorScreenName=agenciabrasil&dnt=false&embedId=twitter-widget-0&features=eyJ0ZndfZXhwZXJpbWVudHNfY29va2llX2V4cGlyYXRpb24iOnsiYnVja2V0IjoxMjA5NjAwLCJ2ZXJzaW9uIjpudWxsfSwidGZ3X2hvcml6b25fdHdlZXRfZW1iZWRfOTU1NSI6eyJidWNrZXQiOiJodGUiLCJ2ZXJzaW9uIjpudWxsfSwidGZ3X3NwYWNlX2NhcmQiOnsiYnVja2V0Ijoib2ZmIiwidmVyc2lvbiI6bnVsbH19&frame=false&hideCard=false&hideThread=false&id=1457875799571378179&lang=pt&origin=https%3A%2F%2Fagenciabrasil.ebc.com.br%2Fesportes%2Fnoticia%2F2021-11%2Fflamengo-nao-passa-de-empate-com-chapecoense-no-brasileiro&sessionId=6cacb2f7e0edd8e3aa70560ea5a049ce1430581c&siteScreenName=agenciabrasil&theme=light&widgetsVersion=f001879%3A1634581029404&width=550px

Com este resultado o Rubro-Negro fica na 3ª posição da classificação, com 54 pontos, um a menos que o vice-líder Palmeiras e 11 a menos que o líder Atlético-MG (que tem um jogo a mais que o time da Gávea).

Mesmo com importantes desfalques, o Flamengo assumiu o controle das ações desde o início. Assim, conseguiu abrir o placar aos 25 minutos, quando Matheuzinho recebeu na direita, se livrou da marcação e bateu cruzado.

Porém, o time da casa acordou a partir daí e virou graças a dois gols de Kaio Nunes, aos 30 e aos 34 minutos. Mas o Flamengo conseguiu empatar antes do intervalo. Aos 40 minutos Gabriel Barbosa enfiou em profundidade para Michael, que partiu em velocidade, se livrou do goleiro e de um zagueiro com um drible e bateu livre para marcar um golaço.

A etapa final ficou mais marcada pela expulsão de Kaio Jorge, pelo lado do Verdão do Oeste, e de Everton Ribeiro, pelo Rubro-Negro.

O Flamengo volta a entrar em campo na quinta-feira (11), quando mede forças com o Bahia. Já a Chapecoense só joga novamente no domingo (14), contra o Juventude.

Edição: Fábio Lisboa

Por Agência Brasil – Rio de Janeiro

Comente: