Museu da Gente Sergipana recebe Mostra de Cinema e Direitos Humanos

A programação no Museu da Gente Sergipana vai de 16 a 21 de maio. De 24 a 26 de maio, as exibições acontecerão na Universidade Tiradentes (Unit), Campus Farolândia

Aracaju será palco, por mais um ano consecutivo, da Mostra de Cinema e Direitos Humanos, em sua 11ª edição. A solenidade de abertura acontece no dia 16 de maio, às 18 horas, no Museu da Gente Sergipana e contará com apresentação musical, a presença de representantes do Ministério dos Direitos Humanos e do Instituto Cultura em Movimento (ICEM), além da exibição de dois curtas: ‘Depois que te vi’, de Vinícius Saramago, que trata do direito das pessoas com deficiência; e ‘De que lado me olhas’, de Ana Carolina de Azevedo e Helena Sassi, cuja temática gira em torno da diversidade sexual  e da cidadania LGBT.

A 11ª Mostra de Cinema e Direitos Humanos é uma realização do Ministério de Direitos Humanos, com produção nacional do ICEM, e acontecerá nas 26 capitais do país e no Distrito Federal. A programação no Museu da Gente Sergipana vai de 16 a 21 de maio. De 24 a 26 de maio, as exibições acontecerão na Universidade Tiradentes (Unit), Campus Farolândia.

Circuito 

A Mostra é uma das estratégias do Governo Federal para a consolidação da cultura e educação em Direitos Humanos, ampliando espaços de debate e discussão por meio da linguagem cinematográfica, contribuindo para o exercício da solidariedade e do respeito às diversidades. Este ano, o circuito principal conta com 29 filmes entre curtas, médias e longas-metragens, divididos em três mostras: Panorama, Temática (que abordará questões de gênero) e Homenagem (com foco na obra da cineasta Laís Bodansky). A novidade é a Mostrinha, voltada para o público infanto-juvenil, com a exibição de 8 curtas-metragens.

Comente: