Exposição “Pescadores Urbanos” inicia no Mirante da 13 de Julho

O Mirante da 13 de Julho, unidade da Fundação Cultural Cidade de Aracaju (Funcaju), possui mais uma atração para os visitantes e turistas que passam pelo local. Foi inaugurada na noite desta terça-feira, 26, a exposição “Pescadores Urbanos”, de curadoria do fotógrafo José Aquino e que possui registros fotográficos de Augusto Gentil, Camila Rodrigues, Danielle Pereira, Igor Azevedo e Rose Oliveira. Todos foram alunos de Aquino.
“Já estamos na 13ª edição desta exposição sempre com um tema diferente e este ano temos este tema “Pescadores Urbanos”. Aracaju é uma cidade com muitos rios e mares e com muitos pescadores seja por trabalho ou por lazer, e demos este nome porque muitos que estão ali pescando também tem diversas profissões como pedreiros, pintores e entre outras”, afirmou o curador José Aquino.
O grupo de fotógrafos e alunos de Aquino é bem diversificado e possui desde idosos como o economista aposentado Augusto Gentil a jovens como a Camila Rodrigues.
“Fico muito feliz de estar participando de mais uma exposição como esta. Uma oportunidade de poder mostrar nossas fotos, o nosso olhar sobre os pescadores de Aracaju. Foram vários dias registrando este momento e agora estamos aqui mostrando o resultado para o público”, destacou Augusto Gentil.
Para a estudante de arquitetura e fotógrafa, Camila Rodrigues, de 21 anos, um dos pontos fortes da exposição é esta questão de ser formada por registros de vários olhares. “É muito bom ter fotógrafos de várias idades porque mostra a visão de cada um. A geração de Gentil tem uma outra forma de enxergar, já a minha tem uma característica diferente como o desfoque e espaços vazios. Nesta exposição tivemos que mudar o nosso campo de visão e nos adaptar a um pouco da rotina dos pescadores. Chegamos a acordar quatro da manhã para acompanhar a saída deles para o rio, para o mar”, explicou Camila.
Para a coordenadora do mirante, Christine Hillmann, receber a exposição é mais uma prova de que o mirante está aberto aos artistas sergipanos e além de ser um ponto de atendimento aos turistas, é um espaço cultural que valoriza o trabalho local. “É uma exposição que já tem tradição, afinal é a 13ª edição e desde a primeira edição ela acontece aqui no mirante. São vários artistas que adotaram o mirante como meio de divulgar o trabalho deles. Aqui recebemos um público muito mais amplo do que em uma galeria e um público bastante diversificado, ou seja, leva o trabalho deles para outras pessoas. Também é um atrativo a mais para os turistas no nosso espaço cultural”, ressaltou Christine.
A exposição ficará em exibição no Mirante da 13 de Julho até o dia 10 de outubro. O mirante abre de terça a sexta, das 9h às 17h e aos sábados e 8h às 12h. Para mais informações o telefone é o 3179-2192.

Comente: