Secretário de Educação se reúne em embaixada americana no Brasil

jorPara proporcionar a jovens estudantes da rede estadual de ensino a oportunidade de estudar fora do país, a Secretaria de Estado da Educação (Seed) está elaborando o Programa de Intercâmbio.

E mais um passo foi dado nesse sentido em reunião realizada nesta quinta-feira, 17, em Brasília, entre o secretário de Estado da Educação, Jorge Carvalho, e a assessora de Políticas Educacionais da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, Márcia Mizuno.

O principal ponto discutido no encontro foi a inclusão da Embaixada Americana como parceira do Programa de Intercâmbio da Seed, tornando o país norte-americano um receptor de alunos sergipanos intercambistas.

“Esse Programa faz parte do Plano Estratégico da Seed para os próximos quatro anos e visa oportunizar a estudantes da rede pública estadual a experiência de estudar por um semestre letivo em outro país”, diz Carvalho.

Outros países

Ele acrescenta que os Estados Unidos da América são um dos países dos quais a Seed pretende enviar esses alunos intercambistas, afirmando que o Programa deve ser iniciado já em 2016.

Países como Argentina, Chile, Nova Zelândia, Canadá e Espanha devem também receber alunos da rede estadual participante do Programa de Intercâmbio da Seed, que irá ofertar 100 vagas anuais para os estudantes interessados na proposta de estudar e conhecer uma nova cultura.

Comente: