Prefeitura inicia nova etapa da campanha de vacinação contra o sarampo nesta segunda, 18

Seguindo o calendário do Ministério da Saúde, a Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), vai iniciar na próxima segunda-feira, dia 18, a segunda etapa da Campanha de Vacinação contra o sarampo, e se estenderá até o dia 30. Nesta fase, o público alvo será a população de 20 a 29 anos.

O Dia D desta segunda fase também será o encerramento da mobilização, no dia 30 (sábado), das 7h às 13h, também em todas as UBS de Aracaju. De acordo com a coordenadora de Imunização da SMS, Ilziney Simões, durante esta etapa, as doses estarão disponíveis em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Aracaju, de segunda à sexta, das 7h30 às 16h30.

“A vacina contra o sarampo já é disponibilizada para a população na rotina das Unidades, na faixa etária de 1 a 49 anos e a campanha vem como estratégia para melhorar as coberturas vacinais, pois o país está em alerta, em virtude dos casos confirmados de sarampo”, destacou.

Ainda segundo Ilziney as equipes continuam a vacinação contra o sarampo das crianças de seis meses a menores de um ano. “Os pais ou responsáveis que não levaram suas crianças para vacinar na primeira etapa, devem procurar a UBS mais próxima e atualizar a situação vacinal das crianças”, explicou.

Documentação
A campanha agora é voltada para o adulto jovem, que é uma das faixas etárias mais acometidas pela doença. “Além da vacina contra o sarampo, nós também vamos atualizar todas as outras vacinas de rotina, por isso, é importante levar a carteira de vacinação, documento de identificação e comprovante de residência” acrescentou.

Dados da doença no Brasil
A Organização Pan Americana de Saúde (OPS) concedeu ao Brasil, em 2016, certificado de eliminação do sarampo, que não registrava casos novos desde 2000. Porém, em 2017, ocorreu um surto de sarampo na Venezuela que chegou ao Brasil em 2018, ocasionando a perda do certificado.

Aracaju teve neste ano cinco suspeitas notificadas, sendo 1 caso confirmado, de um residente do estado da região Sul do país, 2 descartados e 2 ainda sob investigação.

Comente: