População mantém tradição e lota a rua Bahia para acompanhar Desfile Cívico Municipal

Quando o primeiro pelotão marchou na rua Bahia, o público já sabia o que esperar: mais um grande e importante evento que valoriza a identidade nacional, mantendo a tradição. Foi assim o Desfile Cívico 2019, realizado pela Prefeitura de Aracaju neste domingo, 1° de setembro. Pessoas de todas as idades vibraram a passagem de cada uma das 19 escolas e das instituições que levaram para a rua Bahia uma grande aula pública.

Com o tema ‘Navegando na Língu@’, o Desfile homenageou a Língua Portuguesa, como uma forma decelebrar os 20 anos do Dia Internacional da Língua Materna, proclamado pela Unesco no ano de 1999. E foi justamente o tema um dos pontos que agradou o casal Flávio Silva e Nilce Nunes, que chegaram cedo para conferir o Desfile desde o início.

“A nossa Língua Portuguesa anda muito desvalorizada e americanizada também, principalmente pelos mais jovens, por isso a escolha deste tema foi tão importante, pois é uma forma de valorizar a língua. A divulgação prévia por parte da Prefeitura também foi muito interessante, pois nos instigou mais a vir. O Desfile Cívico está nota 10, tanto a organização quanto a segurança. Na nossa família, Desfile é tradição e nunca deixamos de vir aqui à rua Bahia para celebrar”, destaca o consultor de vendas Flávio Silva.

A professora Luciana Mendonça foi com a família assistir o Desfile Cívico e salientou a importância do evento. “As novas gerações estão perdendo esse orgulho cívico, não valorizam mais eventos como esse, por isso, a Prefeitura de Aracaju está de parabéns por manter viva essa tradição e escolher esse tema tão importante. Este papel educativo é da família e da escola, mas o poder público também tem responsabilidade nisso”, frisou.

O comerciante José Wiles Carvalho abriu sua lanchonete neste domingo por causa do Desfile Cívico. Segundo ele, o evento ajuda a movimentar a economia local. “Aos domingos, essa rua é muito parada, não tem movimento. Então, esse evento está trazendo vida a essa região. Eu gosto muito de desfile cívico, principalmente das bandas marciais e as de hoje estão impecáveis. Também parabenizo a segurança, estou trabalhando me sentindo seguro”, comentou.

A autônoma Ana Cláudia Monteiro também aproveitou a oportunidade para garantir uma renda extra, vendendo brigadeiros, e ainda conferir o desfile, que costuma acompanhar desde criança, quando morava em outro estado. “Acho desfiles muito interessantes, muito bonitos. Apesar de não ter desfilado muitas vezes, sempre assisti e acho importante essa cultura. A segurança do evento está muito boa, já vi muitos policiais e Guardas Municipais, estou trabalhando e me divertindo de forma segura”, comentou.

Uma das figuras garantidas em todas as edições do Desfile Cívico da rede municipal de ensino é a dona de casa Maria Rosa Souza de Araújo. Moradora do bairro Siqueira Campos, não é difícil encontra-la no meio da multidão. Vestida com as cores da bandeira do Brasil, ela não esconde o patriotismo. “Já perdi as contas de quantas vezes vim à rua Bahia assistir o desfile. E a cada ano, é uma empolgação diferente, mas todos os anos o desfile é lindo e desta vez não está sendo diferente.

Comente: