Empresário comete suicídio em evento realizado pelo Estado

O Empresário Sadi Gitz cometeu suicídio em durante o  “Simpósio de Oportunidades – Novo Cenário da Cadeia do Gás Natural em Sergipe” realizado pelo governo do Estado, na manhã desta quinta-feira, 04, no Radisson Hotel, na Orla de Atalaia, em Aracaju. O empresário, dono da Cerâmica Escurial Revestimentos Cerâmicos  passava por depressão  nos últimos meses por conta da falência da sua indústria de pisos.

No inicio do evento, na abertura feita pelo governador Belivaldo Chagas, Sadir sentado gritou “governador o senhor é um mentiroso” e depois com uma arma de fogo fez um disparo na própria boca, suicidando-se.

A escurial atravessa grave crise financeira, e recentemente fez demissões de mais de 50 empregados. Um dos motivos alegados pelo empresário era o alto custo do gás natural.

Por Impresa1.com.br

Comente: