Construtora Norcon tem prazo para evitar falência

Empresa acumula dívida de R$ 182 milhões

Mais uma vítima da crise financeira mundial. Foi o que alegou a Norcon Sociedade Nordestina de Construções S/A ao entrar na Justiça sergipana com pedido de recuperação judicial. A construtora, que chegou a possuir mais de três mil colaboradores diretos, alocados nos escritórios e nas obras distribuídas em Alagoas, Sergipe, Bahia e Pernambuco, hoje tem uma dívida de R$ 182,1 milhões. No último dia 18 de dezembro a juíza Vânia Ferreira de Barros, da 14ª Vara Cível de Aracaju, decidiu acatar o pedido da empresa já nomeando um administrador judicial. 

Conforme os autos do processo, a empresa informou que está implementando profunda reorganização operacional com o objetivo de reduzir custos e que projeta a sua recuperação na realização de novos empreendimentos para alavancar a reorganização e reestruturação. Acrescentou que “com os esforços empreendidos possui capacidade e potencial de recuperação para solver suas obrigações sem comprometer  sua atividade empresarial”.

Vale ressaltar que no caso de empreendimentos imobiliários, o corretor deve informar aos compradores a situação financeira da empresa responsável pela construção dos imóveis. A determinação é do Procon, que reforça ainda que empresas em dificuldades financeiras devem honrar compromissos com o consumidor. De acordo com a magistrada, a Norcon tem 60 dias para apresentar um plano de recuperação judicial, sob pena de convolação em falência.

O administrador judicial escolhido pela magistrada é o advogado Jorge Luiz Husek Emanuelli.

Após conferência dos cálculos da condenação, o administrador deverá providenciar a inclusão dos créditos trabalhistas no Quadro Geral de Credores; informar o valor apurado nos autos da Recuperação Judicial e comunicar ao credor trabalhista, por carta, sobre a inclusão de seu crédito no Quadro Geral de Credores. Caso o credor trabalhista discorde do valor incluído pelo administrador judicial, deverá ajuizar impugnação de crédito.

A Norcon Nordeste Sociedade de Construções S / A é considerada uma das maiores construtoras brasileiras. Foi fundada em 1958 e tem sede em Aracaju (SE). A empresa é de propriedade do engenheiro Luiz Antonio Mesquita Teixeira e do economista Tarcísio Mesquita Teixeira.

Enquanto isso, no site institucional, a Norcon tenta acalmar os investidores. “A empresa continuará focada  na continuidade das atividades, atendimento aos clientes e aos interesses de credores”, avisou.

Fonte: Jornal Extra Alagoas

Comente: