Com a plataforma Ajuinteligente, Prefeitura possibilita acesso mais prático a serviços

Modernizar uma cidade e proporcionar qualidade de vida demanda uma gestão que trabalhe para dinamizar as ações. A Prefeitura de Aracaju, neste sentido, deu mais um passo essencial para tornar a capital mais inteligente e, mais do que isso, estreitar a relação entre a população e a administração municipal com o anúncio da plataforma Ajuinteligente. Através dela, qualquer pessoa poderá ter acesso a todos os serviços da Prefeitura na palma das mãos, na distância de um clique, e ainda, será gerada uma economia de recursos e para o meio ambiente.
A praticidade vai ajudar o cidadão que precisa obter a escritura do imóvel, ou mesmo requisitar a troca de uma lâmpada em sua rua, solicitar um serviço e até mesmo fazer uma reclamação, entre outros serviços de responsabilidade da Prefeitura. Por se tratar de uma plataforma digital, a ferramenta não vai demandar tanta burocracia, como na obtenção dos documentos impressos, e nem tomará muito do tempo, já que tudo será feito através do celular, tablet ou computador, evitando, ainda, o deslocamento de casa até o órgãos ou empresa municipal destinada a solucionar a questão desejada.
Com a apresentação da plataforma, se inicia a transição para que todos os processos documentais da Prefeitura de Aracaju e seus serviços se tornem digitais. “É mais uma etapa da materialização da cidade inteligente, desta vez disponibilizando ao cidadão o acesso aos serviços da prefeitura de maneira digital.Tudo será feito eletronicamente, com o acompanhamento em tempo real, de maneira rápida. É uma grande vitória, motivo de muita alegria, pois é a tecnologia facilitando a vida das pessoas”, definiu o prefeito Edvaldo Nogueira.
A plataforma ainda possibilitará usuário o conhecimento de todas as etapas e informações do processo, como saber quem encaminhou e resolveu a solicitação, e também permite avaliar e melhorar continuamente seus serviços, por ter acesso às avaliações dos cidadãos. Depois que a solicitação for resolvida, o cidadão vai receber um SMS que o serviço foi finalizado e ainda poderá avaliar o atendimento. Além disso, a ferramenta integra a comunicação interna entre departamentos da Prefeitura como memorandos, circulares e documentos oficiais com assinatura digital certificada pelo ICP-Brasil. Desta forma, os processos internos serão otimizados e os secretários vão poder traçar planos de ação para melhorar os serviços prestados para a sociedade.
Os benefícios são estendidos para a economia de recursos e sustentabilidade, o que demonstra o compromisso da gestão em continuar equilibrando as contas da Prefeitura e, ainda, colaborar com a preservação ambiental. “Será uma economia de mais de R$160 mil mensais e mais de R$1,8 milhão por ano só de papel, sem contar a redução de combustível de veículos, confecção de documentos oficiais e outros gastos frequentes. A quantidade de papel que deixará de ser utilizada representa poupar mais de 150 árvores e 11,5 milhões de litros de água por mês. Então, é um conjunto de fatores que faz com que essa plataforma se integre às ações para um a cidade inteligente”, ressaltou o secretário do Planejamento, Orçamento e Gestão, Augusto Fábio Oliveira.
O projeto AjuInteligente faz parte do Planejamento Estratégico da administração municipal e se soma a outras iniciativas com foco na modernização dos serviços e funcionalidade para o cidadão. Outros exemplos de como a gestão tem atuado para uma cidade mais inteligente também se estende para a saúde, com o prontuário eletrônico; para a educação, através da matrícula online; para o trânsito, como os semáforos inteligentes; e também para a segurança, com o videomonitoramento nas unidades de saúde, nas escolas municipais e acompanhamento nas viaturas da Guarda Municipal. “A plataforma é mais um avanço significativo para melhorar a vida dos aracajuanos. É mais uma colheita daquilo que plantamos de maneira muito efetiva nos dois primeiros anos de governo e vamos continuar trabalhando para melhorar ainda mais”, afirmou o prefeito.

Comente: