Aperipê TV: 35 anos de comunicação pública em Sergipe

A Aperipê TV, a emissora pública de Sergipe, está completando 35 anos nesta sexta-feira, 31 de janeiro. Para celebrar este importante marco junto com os telespectadores, uma semana inteira de programação especial será promovida pelo Governo do Estado, por meio da Fundação de Cultura e Arte Aperipê (Funcap/SE). Desde a última terça-feira entrou no ar no canal 6.1, uma sequência de shows e filmes selecionados.

Aamnhã, 31, data da fundação da emissora, haverá uma edição especial do Jornal da Aperipê, a partir das 18h30 e com uma hora de duração, que será apresentado pelos jornalistas Evenilson Santana e Selma Souza, ao vivo, diretamente do Mirante do calçadão do bairro 13 de Julho.

O JA comemorativo aos 35 anos da Aperipê TV trará algumas reportagens especiais, que vão contar um pouco da história da emissora da sergipanidade. Além disso, quem for conferir a transmissão da edição especial e festiva, verá shows artísticos e convidados especiais. Entre as atrações, a Orquestra Sinfônica da UFS, a Orquestra de Atabaques, Orquestra Sanfônica e o cantor Lula Ribeiro.

A presidente da Funcap, Conceição Vieira, destaca os 35 anos que a TV pública dos sergipanos tem levado aos variados cantos as imagens da evolução, da caminhada econômica social e cultural da gente sergipana. Por isso ela defendeu uma celebração pública para homenagear a emissora e quem passou por acreditar que assim o governo do estado juntamente com a Funcap oferece esse presente a gente sergipana.

“Os 35 anos da emissora é algo que precisa ser enaltecido, precisa ser lembrado com muita determinação durante esse período. E não decorrer da semana tivemos uma programação especial até chegar o dia 31, onde há 35 anos atrás teve uma determinação do Governo da época em que o estado cumprisse o seu papel social através da TV pública, reforçando um sistema anterior que era o sistema de rádio. Atualmente o governo de Sergipe cumpre novamente a sua função e responsabilidade social que através da comunicação dentro da política de cultura de Sergipe. Então comemorar, celebrar, agradecer e homenagear aqueles que deram a sua contribuição e aqueles também que continuam dando. Viva a nossa TV pública  e força para levar o melhor da nossa imagem a todos os mais variados cantos de Sergipe”, ressaltou a presidente.

Comente: