SSP apresenta campanha “O Hit é Respeito” contra a importunação sexual

Na campanha, também foram passadas informações de como as mulheres devem proceder e buscar atendimento

A Secretária de Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE) apresentou nesta quinta-feira, 20, a campanha “O Hit é Respeito”. A ação que acontece durante este Carnaval tem como objetivo informar sobre a prevenção de condutas como a importunação sexual durante as festividades carnavalescas. Também foram passadas orientações de como as mulheres podem acionar os serviços de atendimento da polícia. A campanha será veiculada nas redes sociais da SSP.

A campanha faz trocadilhos com músicas que disputam os hits do Carnaval 2020, traz alertas sobre crimes registrados no período, reforça o que diz a legislação sobre condutas indevidas e ainda disponibiliza informações sobre serviços do Departamento de Atendimentos a Grupos Vulneráveis (DAGV) no período. 

Na ocasião, a delegada Renata Aboim, da Delegacia de Atendimento à Mulher do DAGV, falou como a Polícia Civil atuará junto às vítimas de assédio ou importunação sexual durante as comemorações carnavalescas. 

“A campanha está sendo iniciada hoje e estamos aqui para falar que o plantão 24h do DAGV está funcionando desde o ano de 2018, então qualquer situação estamos à disposição para atender o caso e tomar todas as providências necessárias” disse a delegada Renata Aboim.

O objetivo desta campanha é o respeito. Em entrevista coletiva, foi apresentada a campanha, que também fornece informações sobre quais são as condutas praticadas para as mulheres, assim como detalhar quais são as penalidades legais, que podem ser adotadas nesses casos. Além disso, a campanha cita quais são crimes e contravenções penais mais comuns.

Aliadas a essas informações, o Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis também informou como as mulheres devem proceder para denunciar ou acionar imediatamente a polícia nessas situações. “O plantão contribuiu para que a agilidade em medidas protetivas e de imediato o plantão judiciário já toma as devidas providências”, explicou a delegada. 

Em caso de denúncias, a vítima deve procurar uma delegacia mais próxima ou ligar para o número 190 da Polícia Militar em caso de emergências, o Disque-Denúncia da Polícia Civil, no 181, ou também no 180 do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, e que também pode ser usado em casos de denúncias.
 

DAGV

O Departamento de Atendimento a Grupo Vulneráveis (DAGV) funciona no plantão de 24h, na Rua Itabaiana, 258, bairro Centro, Aracaju/SE o telefone para contato é (79) 3205-9400.

Comente: