Polícia Civil recebe novas viaturas com melhorias na segurança para agentes e suspeitos

Os novos veículos possuem compartimento específico para o transporte de presos, sem contato com os policiais

Durante cerimônia de entrega de viaturas realizada pelo Governo do Estado nesta quinta-feira, 9, a Polícia Civil recebeu 18 novos carros para o trabalho policial diário na capital e no interior do estado. O principal diferencial de 13 dessas unidades é a adaptação especial de espaço para que policiais e presos fiquem separados, melhorando a segurança dos agentes e dos suspeitos conduzidos.

Das 18 viaturas entregues pelo governador do Estado, Belivaldo Chagas, 13 são caminhonetes que trazem como diferencial a presença da divisão do espaço. Outros cinco veículos são carros descaracterizados que serão utilizados pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) em investigações.

O delegado geral em exercício, Jonathas Evangelista, explicou a proposta das novas viaturas entregue na solenidade desta quinta-feira. “A ideia é que o preso tenha um compartimento separado nas viaturas. É segurança para os policiais e presos, com um transporte mais eficiente, de acordo com os Direitos Humanos”, contextualizou.


As viaturas serão divididas entre capital e interior para otimizar o trabalho policial. Dentre as unidades estão o DHPP, o Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope), a Coordenadoria de Polícia Civil da Capital (Copcal) e a Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Copci).

“No interior do estado, essas viaturas vão para as delegacias regionais, que são unidades que recebem presos. Na capital, serão destinadas as unidades que abrigam presos para serem transportados para audiências de custódia”, detalhou o delegado Jonathas Evangelista.

A delegada Vivianne Pessoa, coordenadora da Copcal, destacou a importância dos veículos na capital e cidades que são cobertas pela unidade. “Especificamente na Copcal, nós temos um trabalho diário de transferência de presos para apresentação em audiência de custódia e a Central de Flagrantes, que atua 24 horas e terá o trabalho otimizado”, pontuou.

As viaturas caracterizadas já possuem a nova identidade visual da Polícia Civil a nível nacional. “Nós temos hoje viaturas que estão no padrão nacional, com a identidade nacional. Estamos atendendo todos os critérios, e vamos poder fazer um transporte de presos com segurança”, complementou Vivianne Pessoa.

A delegada também enfatizou a importância da entrega dessas viaturas. “É um grande avanço, esperávamos muito. Estamos muito felizes de termos dado esse passo. Quando não tínhamos veículos assim, o policial estava em risco, e pensando na dignidade da pessoa humana, é muito importante que a gente tenha ferramentas de trabalho que sejam adequadas”, citou.


O diretor interino do DHPP, delegado André Gouveia, ressaltou a importância do investimento em novas viaturas para as ações da Polícia Civil no estado e frisou a relevância desses veículos no processo investigativo dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), como os homicídios.

“É mais uma ação importante que vem incrementar o DHPP, fazendo com que nosso serviço de investigação desse crime seja ainda mais eficiente, e é preciso destacar que nos últimos anos a unidade vem recebendo da SSP e do Governo do Estado um reforço tanto nas condições materiais, como pessoal para o combate a esse crime”, concluiu.

Comente: