Pesquisa da Prefeitura aponta redução do preço do gás de cozinha na capital

Por meio da Secretaria da Defesa Social e da Cidadania (Semdec), a Prefeitura de Aracaju divulga, nesta terça-feira, 5, mais uma pesquisa comparativa de preços do gás de cozinha. A iniciativa visa a auxiliar os consumidores aracajuanos durante as compras.

O levantamento, realizado pelo Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Aracaju) nesta terça, contemplou 25 estabelecimentos que comercializam o produto na capital sergipana.

De acordo com o coordenador do Procon Aracaju, Igor Lopes, a análise dos dados coletados permite constatar uma variação de preços para o mesmo produto entre os estabelecimentos pesquisados. “Para pagamentos à vista, enquanto o menor valor encontrado foi R$65,00, o maior foi R$75,00”, destaca o coordenador.

Além disso, Igor Lopes explica que, apesar de o menor valor encontrado neste mês ser superior ao constatado no mês anterior, é possível afirmar que houve redução dos preços do gás de cozinha. “Em geral, o produto sofreu uma redução nos preços, já que, enquanto o maior valor praticado à vista na pesquisa anterior foi de R$ 78,00, na pesquisa atual foi de R$ 75,00”, aponta o coordenador.

A Coordenadora de Educação e Pesquisa, Grazielle Nery, reforça que as variações e preços constatados se referem ao dia em que o levantamento foi realizado. “Diante disso, é preciso considerar que os valores estão sujeitos à alteração, conforme a data da compra, inclusive, por conta de descontos, ofertas e promoções”, afirma Grazielle Nery.

A coordenadora aponta ainda que postos de vendas de uma mesma rede podem praticar preços diferenciados entre si. Além disso, vale ressaltar que os valores apresentados na tabela se referem à retirada do produto no estabelecimento, podendo haver variação caso o consumidor opte pela entrega no domicílio.

Confira a tabela completa.

Atendimento
Para realizar denúncias ou esclarecer dúvidas, é possível acionar o Procon Aracaju por meio do SAC 151, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Além disso, o órgão disponibiliza o serviço de agendamento online, no site procon.aracaju.se.gov.br, pelo qual o consumidor que deseje registrar uma reclamação na sede do órgão pode escolher a data e horário do seu atendimento, conforme disponibilidade.

Comente: