Parque da Sementeira recebe Festival da Sergipanidade

O presidente da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), Luiz Roberto Dantas, representando a Prefeitura de Aracaju, participou na noite desta quinta-feira, 24, da solenidade de abertura do Festival da Sergipanidade, que acontece no Parque Augusto Franco. Promovido pelo Sebrae/SE, o evento, que segue até o próximo domingo, 27, tem como objetivo fomentar a cultura sergipana, por meio da exposição e comercialização da gastronomia regional. A importância da parceria firmada entre a entidade e a Prefeitura de Aracaju foi destacada pelo superintendente do Sebrae em Sergipe, Paulo do Eirado. “É através de parcerias que vamos conseguir fortalecer o turismo em nosso estado, principalmente, na atual conjuntura do país. Por isso, a cessão desse espaço pela prefeitura foi de extrema importância para concretizarmos, além do Festival da Sergipanidade, a tradicional Feira de Sergipe, no próximo ano”, disse. “Estamos inovando com a transferência de grandes eventos para a Sementeira, numa demonstração de que a cidade de Aracaju possui outros locais para a realização dos mesmos, já que o parque é um local agradável, com ampla área verde e de fácil localização, tanto para a sociedade sergipana quanto para os turistas que visitam nossa capital”, enfatizou o diretor técnico do Sebrae, Emanoel Sobral. O presidente da Emsurb ressaltou que, o Parque da Sementeira já se configurou como uma das principais áreas da cidade para a realização de grandes eventos. “Neste sentido, o espaço estará sempre de portas abertas para os órgãos da iniciativa privada e pública que buscam fomentar o turismo e a economia local”, disse Luiz Roberto. O festival Na arena montada no espaço interno do parque, 14 empreendimentos que integram o Polo Gastronômico Sergipe irão comercializar, pratos produzidos com ingredientes regionais. O público poderá visitar também o Estande da Economia Criativa, com artigos artesanais e trabalhos manuais, e, ainda, uma exposição de produtos da agricultura familiar, com itens típicos da culinária local – como a castanha de caju e o aratu. O festival contará ainda com uma área para a realização de aulas shows com chefes de cozinha locais e nacionais que, ao lado dos empresários do Polo Gastronômico, prepararão receitas com produtos tipicamente regionais. Além disso, para divulgar a cultura sergipana, acontecem, diariamente, apresentações de grupos folclóricos e shows com artistas de seis municípios.

Comente: