Mulheres são maioria invisível na política

 A defensora pública, vereadora e pré-candidata ao Senado, Emília Corrêa (Patriota), ocupou a tribuna da Câmara Municipal de Aracaju (CMA), para destacar a importância da mulher na política defendendo a sua participação na humanização da sociedade.
Segundo Emília, o acolhimento, a gratuidade, a compaixão, a ternura, a firmeza e a paciência, são alguns dos valores presentes nas mulheres e indispensáveis para vida pública.
“A mulher que deseja participar da política deve se somar. É uma caminhada difícil, mas possível e necessária. Desse jeito a política pode ser mais humanizada”, ressaltou.
De acordo com a patriota, existem lacunas no sistema eleitoral para a representatividade feminina. Apesar das mulheres serem 52% do eleitorado, são uma maioria invisível por ocuparem pouco mais de 10 % dos cargos eletivos.
“A falta de representatividade na política evidencia que a legislação atual não é tão eficiente para assegurar a igualdade. Um novo capítulo pode se construir esse ano com a conquista do merecido espaço e a visibilidade da mulher na política. É preciso quebrar essas barreiras”, concluiu.
Ascom
Foto: César de Oliveira

Comente: