Maior festejo junino da capital, Forró Caju encerra edição 2019 com artistas locais e nacionais

A última noite de programação do Forró Caju 2019, uma realização da Prefeitura de Aracaju patrocinado pelo Ministério do Turismo, reuniu uma multidão na praça de eventos Hilton Lopes. À frente do Palco Luiz Gonzaga, os fãs cantaram e dançaram junto aos artistas. Eles queriam ficar perto dos ídolos, tornar a noite de São Pedro ainda mais inesquecível. Quatro atrações animaram sergipanos e turistas, neste sábado, 29, dia de São Pedro. 

A primeira atração a subir ao palco foi a cantora e compositora Solange Almeida. A baiana encantou o público com o repertório envolvente do seu mais novo trabalho, o EP ‘Essência’.  Pela primeira vez, esteve no Forró Caju em carreira solo. “Eu já fiz 23 somente neste mês, mas Aracaju é uma lindeza em minha vida. É uma satisfação estar de volta, participar de mais uma edição dessa festa maravilhosa. Confesso que fiquei com o coraçãozinho pulando, pois eu tenho um amor imenso pela cidade. Cantei vários sucessos e trouxe novidades porque se não fosse para causar, eu nem vinha”, disse sorrindo. 

Quem também arrastou uma legião de fãs, foram Jeanny Lins e Dedé Brasil. A dupla cearense que mora em Aracaju desde 1993, já participou de várias edições da festa. “É um evento que nós conhecemos muito bem, porque nós cantamos por vários anos, inclusive iniciamos o Forró Caju quando ainda era realizado na Praça Fausto Cardoso. Estamos felizes por retornar e participar dessa festa inesquecível”, afirmou Dedé. 

No palco, os dois relembraram sucessos da época em que fizeram parte da Banda Forró Maior.  O público voltou no tempo, fez uma viagem ao passado. “É gratificante reencontrar esse povo  lindo de Aracaju. A gente ama demais e tem a certeza de que eles gostaram do que viram. As músicas da Forró Maior não poderiam ficar de fora do nosso repertório. Fizemos questão de tirar canções do baú, de 15 anos atrás”, destacou Jeanny Lins.

Passava da meia noite quando o sergipano de Gararu, Lourinho do Acordeon puxou o autêntico forró pé-de-serra. Com 32 anos de carreira, ele trouxe para o palco músicas que prestigiam cantores consagrados da região Nordeste, como Dominguinhos e Luiz Gonzaga. “Cantar em Sergipe para os meus conterrâneos é sempre gratificante. Para nós artistas é o ponto alto dos festejos juninos. A Prefeitura está de parabéns por valorizar a cultura do nordeste e por proporcionar alegria a quem participa. Os turistas ficam impressionados com a nossa forma de fazer São Pedro”, colocou. 

Quem fechou a 25ª edição do Forró Caju foi o cantor Jonas Esticado, atração bastante aguardada, principalmente pelos amantes do ritmo sertanejo.  Pela terceira vez no evento, o artista deu um show à parte, confirmando o sucesso da festa.   “O repertório foi pensado com carinho para esse público aqui de Aracaju. Durante o show, a gente também incluiu músicas que o povo pediu. É pura energia. Estou feliz demais por ter participado do Forró Caju novamente. Espero que essa festa fique guardada na memória por longos anos”, ressaltou. 

Comente: