Governo leva diversão e serviços no “Dia de Todas as Crianças”

O “Dia de Todas as Crianças” é uma parceria entre o governo do Estado e a Prefeitura de Aracaju, por meio das secretarias de Estado da Inclusão Social (Seidh) e Municipal de Assistência Social (Semasc) e outros orgãos

Milhares de crianças do bairro 17 de março e adjacências se dirigiram no início da manhã, ao Centro de Artes e Esportes Unificados Mariana Martins Moura Souza (CEU), no bairro 17 de março, para participar da programação do “Dia de Todas as Crianças, festa dedicada às crianças, nesta quinta-feira, 12 de outubro. As festividades foram acompanhadas pelo governador Jackson Barreto e o prefeito de Aracaju Edvaldo Nogueira, que presenciaram uma vasta programação lúdico-educativa dedicada às famílias sergipanas.

O “Dia de Todas as Crianças” é uma parceria entre o governo do Estado e a Prefeitura de Aracaju, por meio das secretarias de Estado da Inclusão Social (Seidh) e Municipal de Assistência Social (Semasc), com a participação de diversos outros órgãos.

A senhora Cláudia Santos, não perdeu a oportunidade e levou os filhos João Victor, Júlia vitória e Carlos Felipe para aproveitar toda a programação da festa. “Essa festa é a nossa cara. O governador Jackson Barreto e o prefeito Edvaldo Nogueira estão de parabéns por esse belíssimo evento. Uma festa da qual nós nunca poderíamos imaginar que pudesse ser realizada no nosso bairro, um lugar às vezes discriminado e desprezado. Porém, hoje, o governador Jackson Barreto e o prefeito Edvaldo Nogueira estão mostrando para o aracajuano que nosso bairro merece também ser incluído”, revelou.

“Está sendo realizado aqui no 17 de março, com a participação dos moradores do Santa Maria, a mais bela festa do Dia das Crianças. Essa é realmente uma festa que tem a cara do nosso compromisso social”, disse o governador Jackson Barreto emocionado com o depoimento da senhora Cláudia Santos.

Segundo o governador, a parceria do governo do Estado e a Prefeitura de Aracaju proporcionou numa área tida como mais pobre de Aracaju,  um evento inesquecível para todas as crianças. “Estamos fazendo um evento das crianças, no dia de Nossa Senhora Aparecida, uma festa com uma interação perfeita, atividades esportivas, educacionais, lúdicas, shows. Eu estou impressionado com a beleza da festa, pela organização, pela competência da secretaria de inclusão social do estado e da prefeitura. Deu tudo certo e vamos fazer a próxima festa das crianças no dia 22 de outubro, lá no bairro São Carlos, envolvendo a Nova liberdade, Jardim centenário e adjacências. Essa parceria é importante para o nosso povo, particularmente, para as crianças da periferia que precisam de atenção todos os dias, mas hoje, Dia das Crianças é um dia especial. Com certeza, o Estado de Sergipe nunca realizou uma beleza de festa, tão grande, tão dedicada, tão veiculada à criança, como essa. Isso tudo realiza o nosso coração, realiza a nossa consciência e nos deixa feliz pelo nosso compromisso social com os mais pobres”, declarou.

Para o prefeito Edvaldo Nogueira, a ação é uma forma de agradecer e mostrar a preocupação com as crianças. “Quando a gente faz esse tipo ação, com criatividade, com dança, com música, permite que as crianças se desenvolvam mais rapidamente e estamos fazendo isso para as pessoas que mais precisam, através dessas crianças carentes da zona sul de Aracaju. A ideia é fazer com que elas possam desde pequenas desenvolver o protagonismo, tendo uma boa cultura, boa alimentação, assistência médica, educação, lazer. Tudo isso ajuda a formar os cidadãos e fazerem com que eles se tornem protagonistas.  Por isso, esse dia é tão importante com tanta alegria e satisfação, especialmente como prefeito, poder permitir que a Prefeitura juntamente com o governo do Estado, possa trazer tantos benefícios para a comunidade nesse Dia das Crianças”, colocou.

A Fim de contemplar tanto as crianças da zona sul quanto as crianças da zona norte, a programação acontece em duas datas: nesta quinta-feira, 12, dia das Crianças, as atividades foram realizadas no CEU, no bairro 17 de março, na Zona de Expansão de Aracaju.  E no bairro São Carlos, a festa acontece no domingo, 22 de outubro.

Para a vice-prefeita de Aracaju Eliane Aquino, a interação da comunidade mostra o sucesso da festa. “Estamos muito felizes e satisfeitos com a participação da comunidade que se fez presente. Está sendo um dia muito lindo. Com isso, nosso intuito de fazer um diz feliz, onde as crianças se sintam amadas e cheias de alegria foi alcançado. É a prefeitura de Aracaju e o governo do Estado mais próximos da comunidade”, disse.

“Nada é mais gratificante que ver o sorriso das pessoas e a esperança sempre renovada. Estou muito feliz por fazer parte dessa festa linda e acima de tudo, levar tanta alegria para essas crianças através dessa programação”, explanou o secretário de Estado da Inclusão, Zezinho Sobral.

Programação

A programação contemplou uma série de apresentações e atividades. Foram realizadas oficina de brinquedos e oficina de teatro, atividades educativas para o trânsito, oficinas para educação ambiental, apresentação sobre combate à droga realizada pela Guarda Municipal de Aracaju – que será responsável pela segurança do evento – oficinas de artesanato e reciclagem.

A contação de história foi uma das atrações trazidas pela Biblioteca Infantil. De acordo a diretora Cláudia Stocker, a contação de histórias é um recurso importante na inserção da criança no universo literário. “Estamos trazendo muita contação de história, a mediação de leitura, o teatro de bonecos. A contação de história é o primeiro passo que a gente dar na formação do leitor, a criança que ainda não sabe ler. De uma forma lúdica, vamos apresentando para ela os personagens, a literatura infantil como um todo”, explicou.

Foram desenvolvidas também atividades esportivas com disputas futsal, mini basquete, voleibol gigante, frescobol, queimado, cabo de guerra, mini futebol e jogos de mesa, como damas, xadrez e dominó.

Já a Secretaria de Estado da Saúde, através do SAMU disponibilizou um posto de atendimento, uma unidade de suporte básico e uma unidade de suporte avançado. E a FUNESA realizou escovação supervisionada de dentes, com instrutores para orientar as crianças.

Daniele Gomes Farias levou as três filhas e a vizinha para a aula de escovação dental. “Acho importante que as crianças aprendam desde cedo cuidados com os dentes para evitar cáries. Acho legal que além da diversão, as crianças também tenham acesso a esses serviços. Eu não tenho dinheiro para poder proporcionar um dia diferente para elas e o governo está fazendo isso por mim. Está sendo maravilhoso para elas”, comentou.

Na ocasião, a SSP destacou uma equipe do Instituto de Identificação para a emissão de carteiras de identidade. Também será possível expedir certidão de nascimento. O Corpo de Bombeiros levará aos locais uma viatura com equipamentos para demonstração.

A senhora Elenilde de Sá Barbosa aproveitou e levou o pequeno Pedro Guilherme de dez meses, para tirar a sua primeira identidade. “Gostei muito da programação, além da recreação também estou aproveitando para usufruir de alguns serviços”, contou.

A Secretaria de Saúde do Município realizou campanha de vacinação para incentivar a prática de atividade física, através da Academia da Cidade. A EMSURB cuidou da infraestrutura com a instalação de toldos e banheiros químicos e cuidando da limpeza da área. Já a Secretaria de Estado de Esporte e Lazer se fez presente levando ao local cama elástica, castelo inflável, piscina de bolinhas, emissão de carteira de Identidade Jovem e promoção de jogos e brincadeiras variadas.

Houve, ainda, a distribuição de lanches e sorteio de brinquedos patrocinados por terceiros.

Outra ações

PROGRAMA CRIANÇA FELIZ – Implantado pelo Governo Federal para reforçar a implementação do Marco Legal da Primeira Infância e promover o desenvolvimento humano integral das crianças nessa fase inicial de vida, o Programa Criança Feliz foi lançado em Sergipe no último mês de março.

O programa fortalece a referência do CRAS nos territórios para as famílias beneficiárias do Bolsa Família e com Benefícios da Prestação Continuada. Os pilares do Programa Criança Feliz são as visitas domiciliares e as ações intersetoriais para fortalecimento das competências da família, a fim de incentivar o desenvolvimento das competências das crianças, buscando contribuir para a quebra do ciclo da pobreza, a redução da violência, a diminuição da evasão escolar, entre outros ganhos sociais.

Devido ao destaque nacional conquistado como primeiro estado brasileiro a implantar o programa Criança Feliz, Sergipe recebeu, em fins de setembro, uma equipe do Ministério do Desenvolvimento Social, para gravar um documentário sobre a atuação das equipes sergipanas e os resultados do programa no estado, onde mais de 85% dos municípios (65) aderiram e 50 já iniciaram as visitas domiciliares.

De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social, o documentário será lançado no mês de outubro, quando o Programa Criança Feliz completa um ano de lançamento.

Em Sergipe, a meta é atender cerca de 7.500 sergipanos, entre gestantes e crianças cadastradas no Bolsa Família, nos programas de Benefício de Prestação Contínua (BPC) e crianças de até 72 meses que estão afastadas do convívio familiar por conta de alguma medida protetiva.

Presenças 

Compareceram à festa: o secretario estadual da Comunicação, Sales Neto; da Educação, Jorge Carvalho; deputado estadual Garibalde Mendonça; vereador palhaço Soneca; vereador Bigode; secretário municipal do esporte; Jorge Araújo Filho; secretário municipal da Defesa Social, Luis Fernando; além de lideranças locais e representantes de movimentos sociais.

Deixe uma resposta