Em solenidade de promoção de oficiais e praças, Belivaldo destaca reforço no efetivo da PM

Os 330 aprovados no concurso da Polícia Militar do Estado de Sergipe, que já estão em treinamento, participaram da solenidade

Desde a última segunda-feira (02), os 330 aprovados no concurso da Polícia Militar do Estado de Sergipe foram recebidos no Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças, para o Curso de Formação de Soldados (CFSd) e o Curso de Formação de Oficiais (CFO). E nesta quarta-feira (04), eles participaram da solenidade de promoção de Oficiais e Praças, evento que contou com a presença do governador Belivaldo Chagas, acompanhado do secretário de Segurança Pública, João Eloy, do comandante-geral da PM, cel. Marcony Cabral e demais autoridades.

O Curso de Formação de Soldados ocorrerá por um período de aproximadamente oito meses para o cumprimento de 1200 horas/aula, divididas em atividades em salas de aula, atividades extras, estágio supervisionado e palestras. Já o Curso de Formação de Oficiais funcionará em regime de semi-internato, inicialmente no prédio do SESI, localizado no bairro Santos Dumont, adaptado para receber os alunos de oficiais.

“É fato sim, que estamos enfrentando dificuldades, mas não poderíamos deixar de atender um apelo da sociedade convocando os mais de 300 jovens que estarão integrando essa força policial militar tão importante para o estado de Sergipe. Quando eu disse que era momento de comemorar e de agradecer é um agradecimento que faço pelos resultados que temos, porque sem essa força, sem essa dedicação exclusiva, atenta, sem esse trabalho da polícia, nós não estaríamos hoje mostrando isso para a sociedade sergipana”, destacou Belivaldo em seu discurso durante a solenidade de promoção.

Ainda falando sobre os novos alunos, o comandante-geral da PM, cel. Marcony Cabral solicitou que os alunos dos cursos de formação se dirigissem aos oficiais e praças promovidos. Um momento marcante da solenidade, que renovou a missão de todos que fazem a Polícia Militar de Sergipe. “Que esses heróis sejam a grande referência de vocês. Trilhem o mesmo caminho que eles têm trilhado, porque com a chegada dos senhores, a Corporação renasce, revive. Daqui a trinta anos, os senhores estarão saindo da Corporação, mas tenho certeza que, se seguirem os passos desses heróis, farão com que a Polícia Militar continue sendo uma instituição forte, patrimônio do povo sergipano”, discursou.

Oficiais e Praças

O Governo de Sergipe promoveu 29 oficiais e 387 praças, entre eles o sub-tenente Eisenhower, promovido a 2º tenente. “Confesso que estou maravilhosamente feliz, pelo reconhecimento da luta, o reconhecimento diário, do combate que travamos em defesa da sociedade sergipana. Eu só tenho que agradecer a sociedade, que realmente nos aplaude, a presença da Polícia Militar em todo estado de Sergipe se faz necessária. Eu só tenho a agradecer”, disse emocionado o militar que está há 27 na Corporação.

O cabo, promovido a sargento, Luís Carlos dos Santos atua na PM há 21 anos. “É um momento muito importante. Em minha família tem outros militares também, inclusive um primo também está sendo promovido a sargento hoje. A família está emocionada junto com a gente, pois também compartilha da nossa felicidade”, comemorou o policial que foi homenageado com a presença da filha, esposa e amigos.

No Ato, também houve a entrega simbólica dos instrumentos musicais ao corpo musical da PMSE. Um total de R$ 181.394,66 foram investidos nos equipamentos. Os vinte instrumentos musicais foram adquiridos por meio do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd).

Medalhas

Durante a solenidade foi realizada a outorga da Medalha do Mérito Policial Militar, concedida a todos os militares que no desempenho da função policial militar prestaram relevantes serviços à Corporação Policial Militar, ou praticado atos de bravura visando à preservação da ordem pública, à defesa das instituições ou o salvamento de vidas humanas.

Também foi entregue da Medalha Alferes Tiradentes – concedida a todas as autoridades civis, militares e eclesiásticas, que tenham prestado relevantes serviços ao Estado ou, em especial, à Corporação ou interesse desta.

O coronel Neto foi um dos militares agraciados com a Medalha Alferes Tiradentes – a mais alta Comenda concedida pela Polícia Militar – e falou da alegria ao receber este reconhecimento após 26 anos de dedicação à PM. “Nem só de trabalho vive o homem, o homem também vive de reconhecimento tanto da parte administrativa, como da sociedade. Então, é um momento muito importante para mim e para os companheiros que aqui estão sendo agraciados hoje, tanto com promoções como com medalhas. É importante porque nos motiva ainda mais a servirmos à sociedade”, enfatizou o militar que atualmente é comandante do Policiamento Militar da Capital.  

Redução dos índices

Fruto do trabalho integrado das polícias, e dos investimentos aplicados pelo governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Segurança, Sergipe tem ganhado destaque nacional na redução dos índices de violência.

Sergipe é o terceiro estado com maior redução de homicídios no país, conforme aponta matéria publicada em O Globo, onde foi registrada a queda de 30,1% na ocorrência desse tipo de crime em comparativo com o mesmo período do ano passado.

“Nós estamos extremamente satisfeitos com o trabalho que a segurança pública desempenha hoje, no estado de Sergipe, quer seja por meio da Polícia Militar, quer seja através da Polícia Civil. E esse é o momento em que a gente vem prestigiá-los pelo fato de eles desempenharem suas atividades com tanta dedicação, tanta competência, mesmo sabendo dos riscos que são inerentes à sua profissão. São todos abnegados, policiais que realmente trabalham para produzir o efeito que a sociedade tanto espera”, afirmou o governador.

Comente: