Eduardo Amorim é procurado por Jair Bolsonaro e lideranças do presidenciável

Reconhecendo a liderança política do senador Eduardo Amorim (PSDB) em Sergipe, o candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), ligou para o parlamentar sergipano e pediu seu apoio no segundo turno da eleição.

Ainda nesta quarta-feira, 17, os senadores Magno Malta (PR/ES) e José Medeiros (Pode/MT), amigos pessoais de Eduardo, além do deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM/RS), também entraram em contato com Eduardo Amorim e pediram que o senador tucano apoie a candidatura de Bolsonaro.

Por: PSDB-SE/ ASCOM

No início da semana passada, o diretor do Hospital do Amor (Hospital do Câncer de Barretos), Henrique Prata, já havia feito o pedido a Eduardo para que apoiasse no segundo turno o presidenciável do PSL.

Comente: