CINDRA aprova requerimentos de Valadares Filho

 

A Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia (CINDRA), em reunião realizada no dia(29/03), aprovou três requerimentos de autoria de seu presidente, o deputado do PSB de Sergipe, Valadares Filho.

Os requerimentos tratam da realização de audiências públicas para debater temas inerentes à área de atuação da Comissão. O primeiro, de nº 107/17, convida a presidente da Codevasf, Kênia Marcelino, para apresentar à Comissão os projetos de âmbito de atuação da Companhia. O segundo, de nº 108/17, convida o presidente do Departamento Nacional de Obras Contra a Seca (DENOCS), Angelo Guerra, para expor aos deputados os principais programas e ações que estão em andamento no âmbito do DENOCS, em especial aqueles que dizem respeito ao abastecimento de água nas regiões atingidas pelas secas no Nordeste.

Valadares Filho destaca a importância que o DENOCS e a Codevasf têm para o desenvolvimento do Nordeste brasileiro, especialmente, no atendimento às regiões atingidas pela seca. “Mais uma vez o povo Nordestino vem sofrendo com a falta de chuvas; o que queremos com essas audiências é ouvir esses órgãos para juntos traçar políticas públicas que possam minimizar os problemas causados pelos longos períodos de estiagem”.

Na avaliação de Valadares Filho, o que falta para o solucionar o problema da seca no Nordeste são políticas públicas que possam garantir o abastecimento de água potável e a realização das atividades de agropecuária mesmo nos períodos de estiagem. “Já se sabe que o Nordeste é uma região com pouca chuva, então devemos ter políticas para minimizar os efeitos da seca”, destaca.

O outro requerimento, apresentado por Valadares Filho, convida o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, para um café da manhã na Comissão seguido de audiência pública. O objetivo é solicitar ao ministro que apresente aos membros da Comissão as principais ações do Ministério, especialmente aquelas voltadas para a liberação de recursos para projetos que visem a redução das desigualdades regionais.

“Queremos estreitar mais ainda nossas relações com o Ministro Hélder Barbalho, a fim de agilizar o trâmite dos projetos no âmbito do Ministério da Integração” diz Valadares Filho.

 

Comente: