Prefeitura e Governo do Estado entregam reforma da Orla Pôr do Sol

Aracajuanos e turistas passarão a contar com uma nova Orla Pôr do Sol. A reforma de um dos mais importantes espaços de lazer e turismo da capital sergipana foi entregue à população na tarde desta sexta-feira, 1º, pelo governador Belivaldo Chagas e pelo prefeito Edvaldo Nogueira. Na revitalização do espaço, foram investidos R$ 2,8 milhões, recursos do Governo do Estado e do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), dentro do Programa de Desenvolvimento do Turismo. À Prefeitura de Aracaju, caberá a regulação do transporte náutico na Orla e a fiscalização do uso da área, conforme decreto assinado pelo prefeito no início deste ano.

“É uma alegria extraordinária. A gente nem consegue conter a felicidade por voltar aqui e ver a área arrumada, bonita, como foi deixada em meu outro mandato. Um lugar que melhorou a autoestima dos moradores dessa região e de muitos comerciantes que aqui trabalham. Só sabe como era esse lugar quem vivenciou seu abandono, antes da obra que realizamos, quando fui prefeito da outra vez, e nos últimos quatro anos, antes de retornarmos à Prefeitura”, afirmou Edvaldo.

O prefeito também agradeceu a parceria com o governo para recuperação do espaço. “Junto com o governador Belivaldo Chagas, conseguimos recuperar e estamos entregando hoje, esse lugar maravilhoso, completamente reformado, para que a comunidade, os aracajuanos e turistas possam desfrutar do mais bonito pôr do sol do mundo e de um dos maiores cartões postais de Aracaju. Agradeço imensamente ao governador Belivaldo Chagas por esta importante reconstrução da Orla, que, para mim, é o lugar mais bonito da nossa cidade. Mesmo com dificuldades, o governo colocou todos os recursos para a realização dessa obra”, destacou.

Reconstrução

A Orla Pôr do Sol Jornalista Cleomar Brandi fica localizada às margens do rio Vaza Barris, no povoado Mosqueiro, e foi erguida na gestão anterior do prefeito Edvaldo Nogueira. Diante da falta de manutenção, ao longo da administração passada, a estrutura física e os equipamentos se deterioraram, colocando em risco o acolhimento de visitantes, turistas e comunidade local.

Na revitalização da Orla, o Governo de Sergipe investiu R$ 2.813.307,69 em conformidade com o Plano de Desenvolvimento Integrado do Turismo Sustentável, cujo propósito é implementar e efetivar projetos de infraestrutura visando a revitalização e recuperação de espaços públicos representativos da cidade e que são estratégicos do ponto de vista da atração e promoção do turismo local.

“Essa Orla é importante para o povo de Aracaju, para os moradores dessa região e para as pessoas que sobrevivem do turismo, em função da pesca e do translado. Esse espaço estava praticamente abandonado. Foi construído em 2012, precisava de uma reforma e nós, praticamente, reconstruímos, mesmo com dificuldades. Trata-se de uma parceria entre o governo e a Prefeitura de Aracaju para garantir o desenvolvimento do turismo e a alegria daqueles que amam esse espaço, como nós. A Prefeitura e o Governo trabalharam, mas quem ganha é a população”, declarou o governador Belivaldo Chagas, que, durante a solenidade, assinou e repassou o termo de entrega da obra à Prefeitura de Aracaju, que é a responsável pelo espaço público.

Regulamentação do transporte náutico

Em março deste ano, o prefeito Edvaldo Nogueira assinou o decreto 5.882/19, que regulamenta o embarque e desembarque de passageiros na Orla Pôr do Sol, cujo objetivo é regular os serviços de transporte, funcionamento e cadastro de pessoas físicas e jurídicas que exercem a atividade de transporte náutico na região. Conforme o decreto, a Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) expedirá alvará de Licenciamento de Atividade de Turismo Náutico – ALATIN. Todas as embarcações deverão possuir, obrigatoriamente, cartão de identificação padronizado, expedido pela Emsurb.

Ficará a cargo da empresa municipal regulamentar os horários regulares de embarque e desembarque de passageiro, além de organização de filas, reservas antecipadas e condições de utilização de píeres da Orla. A venda de passagens para passeios turísticos será realizada em um posto credenciado da Prefeitura. A Emsurb fiscalizará, também, o uso das áreas públicas pelos comerciantes, de forma a não atrapalhar o fluxo de pessoas que visitam a Orla. A Empresa Municipal manterá agentes fixos da Diretoria de Operações que ficarão responsáveis pela limpeza e manutenção das áreas verdes.

O vice-presidente da Associação de Barqueiros, Elias do Santos comemorou a reestruturação da Orla Pôr Sol. “Melhorou 100% para todos nós que vivemos do turismo. Nosso dia-a-dia será completado modificado por causa dessa reforma. Sem contar que a Prefeitura organizou tudo direitinho, com fila única para receber os turistas, e isso vai melhorar muito porque as pessoas agora vão direto para a bilheteria e quem tiver na vez é que vai levá-las. Vai melhorar bastante. Tanto o governo como a Prefeitura estão de parabéns”, elogiou.

A reforma

A obra de reforma da Orla Pôr do Sol envolveu a recuperação estrutural do atracadouro, instalação de defensas náuticas e cunhos de amarração; revitalização do painel artístico; recuperação da estrutura do totem metálico localizado na praça central de entrada da Orla, reforma dos banheiros dos bares e construção de dois novos banheiros externos que possibilitam acessibilidade para idosos e pessoas com deficiência.

Também foram feitas a recuperação dos telhados e pintura de todas as edificações da Orla, a recuperação de todo o passeio de concreto, a restauração do deck e guarda-corpos de madeira, a instalação de câmeras de segurança e de chuveiros, a reforma do parque infantil, melhorias na iluminação pública e a instalação do atracadouro flutuante, além da recuperação do muro de contenção da Orla e instalação de argolas para ancoragem das embarcações menores.

Acompanharam a inauguração os deputados federais João Daniel e Gustinho Ribeiro, o deputado estadual Dilson de Agripino, os vereadores cabo Didi, Vinícius Porto, Bigode do Santa Maria, Antônio Bittencourt, Gonzaga, Camilo Lula e Manuel Marcos.

Comente: