Prefeito cria comitê para manter serviços essenciais funcionando e decreta estado de emergência

O prefeito Edvaldo Nogueira reuniu o secretariado neste domingo, 27, e definiu a criação de um comitê de gerenciamento de crise para assegurar o funcionamento dos serviços públicos essenciais e minimizar os efeitos da paralisação dos caminhoneiros no município. No encontro, o prefeito e os secretários definiram que as escolas, as unidades básicas de saúde, as Unidades de Pronto Atendimento e o transporte de pacientes renais crônicos e com câncer serão mantidos. A coleta do lixo domiciliar também está assegurada. O Transporte Público funcionará nesta

Edvaldo decretou estado de emergência no município

segunda-feira com 70% dos veículos. A Guarda Municipal manterá todo o seu efetivo trabalhando, sem descontinuidade. Os Centros de Referência da Assistência Social, os abrigos e casa-lares continuarão funcionando.  O programa de tapa-buracos está mantido, enquanto o recapeamento ficará paralisado. O Procon Municipal manterá a fiscalização dos postos de combustíveis. Está descartado o ponto facultativo nesta segunda-feira, 28. Na oportunidade, também foi assinado um decreto  de emergência, para, se necessário, realizar dispensa de licitação e requisição de serviços e bens móveis.

Comente: