Edvaldo renova frota da SMTT com entrega de 15 novas motocicletas

O prefeito Edvaldo Nogueira entregou 15 novas motocicletas aos agentes de trânsito municipais, nesta quarta-feira, 29. Com um investimento de R$ 178 mil por ano, os novos veículos, com motores mais potentes, garantirão maior agilidade no atendimento de ocorrências e em atividades rotineiras dos profissionais. Esta renovação na frota acontece oito anos após a última mudança, que se deu em 2010, durante a gestão anterior do prefeito Edvaldo Nogueira, quando foram adquiridas 30 motos, que estão em uso até hoje.

“Estou muito feliz em poder realizar este investimento, pois sei da importância destas motocicletas mais potentes e mais seguras para o trabalho do agente e para o atendimento ao cidadão. Esta ação integra um projeto grandioso, o nosso Plano de Mobilidade Urbana, através do qual investiremos R$ 130 milhões na construção de quatro corredores de transporte, recuperação dos terminais, construção de 150 novos abrigos e instalação de 150 semáforos inteligentes. Assim damos passos cada vez mais consistentes e significativos para tornar Aracaju uma cidade humana, inteligente e criativa”, afirmou o prefeito durante a solenidade na sede da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT).

Renato Telles, superintendente interino da SMTT

O superintendente interino de Transporte e Trânsito de Aracaju, Renato Telles, explica que as novas motocicletas possuem equipamento de segurança e dispositivos luminosos e sonoros, que dão mais agilidade ao atendimento das chamadas da população, além de assegurar condições melhores de trabalho para os agentes. “As motos permitirão que os agentes cheguem mais rápido às ocorrências, dará mais qualidade à fiscalização. Além disso, o agente ganha um veículo mais seguro, pois as motos são equipadas com intermitentes e sirenes”, pontuou.

Da mesma forma, o supervisor Cleidivan Santos destacou que as novas motocicletas são adequadas ao que está previsto na legislação de trânsito. “São motos adequadas ao serviço que prestamos, com dispositivos sonoros e luminosos. Vai facilitar o deslocamento e o serviço prestado à comunidade em eventos noturnos, por exemplo. Estes dispositivos chamam a atenção do condutor, o que deixa o agente e o cidadão mais protegidos”, afirmou.

As 15 novas motos, entregues aos agentes, são da marca Honda Bros, de 160 Cilindradas. O contrato prevê renovação da frota a cada dois anos.

Diálogo com o servidor

No evento, o prefeito dialogou com os agentes de trânsito em relação ao pleito de parte da categoria por isonomia salarial, uma vez que a gestão anterior realizou mudanças na concessão de gratificações para alguns profissionais, criando disparidades na carreira.

“Conheço a reivindicação destes servidores. Já realizamos os estudos sobre o caso, mas só poderemos atender o pleito quando houver a disponibilidade financeira do caixa municipal. No quadro atual, qualquer nova despesa criará dificuldades. Eu vou resolver o problema, nisto o servidor pode confiar, mas sem fazer demagogia”, avisou Edvaldo.

Plano de Mobilidade Urbana

A atual gestão municipal tem realizado um trabalho inovador a partir das ações de transporte e trânsito em Aracaju, com destaque especial para o Plano de Mobilidade Urbana, através do qual serão investidos R$ 130 milhões na construção de corredores de transporte, reforma e construção de terminais, substituição de todos os semáforos da cidade e construção de 150 novos abrigos de ônibus.

Serão beneficiados com o recurso os corredores de transporte que compreendem as avenidas Beira Mar (desde o Centro, nas imediações dos mercados centrais, até o bairro Atalaia), Hermes Fontes (em toda a sua extensão), Augusto Franco (mais conhecida como “Rio de Janeiro”) e a via que se inicia na avenida Paulo VI (ainda no conjunto Augusto Franco) e segue até o Centro.

Quanto à semaforização inteligente, a instalação começou no último dia 4 de julho. A semaforização inteligente se dará pela substituição dos atuais 148 sinais de trânsito de Aracaju, além da instalação de mais dois, totalizando 150, por equipamentos de alta tecnologia. Eles permitirão o alívio no fluxo por contarem com sensores que decidem sobre as indicações aos motoristas de acordo com o tráfego apresentado, levando ao passado as esperas longas e inférteis do atual sistema de temporização.

O projeto tem previsão de funcionamento total em 12 meses, mas atuará de forma parcial até o final deste ano. Ele foi dividido em três etapas. A primeira é implantação de 68 pontos semafóricos, de acordo com o estudo de engenharia de tráfego. Eles vão abranger a região sul e o centro. A segunda etapa instalará mais 54 pontos nas regiões sul-central até a zona Norte. A última etapa contemplará a zona Oeste da cidade com 28 pontos semafóricos.

Acompanharam a solenidade desta quarta-feira os vereadores Vinicius Porto, Fábio Meirelles, Thiaguinho Batalha, Soneca, Bigode do Santa Maria, Carlito Alves, Manuel Marcos e Dr. Gonzaga, além de secretários e servidores municipais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *