Detran/SE leva Educação de Trânsito para jovens de escola profissionalizante

c8df366a-7d67-a285O Departamento Estadual do Trânsito de Sergipe (Detran/SE) participa desta segunda-feira, 28, até quinta-feira, 31, de um projeto de conscientização de adolescentes para um trânsito mais seguro. Durante os quatro dias, os coordenadores de Acidentes de Trânsito (COAT), Glaukia Suiane, e do Setor Médico, sargento e psicólogo Oscar Silva, vão palestrar sobre comportamento, equipamentos de segurança e Lei Seca, a convite da escola profissionalizante Serviço Social da Indústria (SESI).

 

Cerca de 150 alunos com idades entre 14 e 17 anos de idade lotaram o auditório e tiveram uma aula sobre o que devem fazer para transformar o trânsito numa realidade melhor. “A missão é mostrar que para dirigir não basta ser habilitado, é preciso ter respeito à vida para que tenhamos menos acidentes. É nessa fase que temos que chamá-los para a responsabilidade, mostrando os acidentes envolvendo jovens para que façam a geração deles diferente da nossa”, falou a coordenadora da COAT, Gláukia Suiene.

Durante a palestra, foram exibidos vídeos de alerta à imprudência e os consequentes acidentes fatais, além de simulações entre os alunos de fatos que ocorrem nas cidades. Tudo para promover a reflexão do que é certo ou errado na condução dos que fazem o trânsito. “Nossos jovens estão morrendo. Vocês podem fazer o diferencial no trânsito para diminuir o número de acidentes. A cada 24 horas morrem cerca de 120 pessoas no país vítimas de acidentes de trânsito. É preciso trabalhar na conscientização, no respeito às pessoas”, disse o coordenador Oscar Silva.

Para finalizar, os alunos foram surpreendidos por uma peça teatral e com a exibição de um projeto de robótica que contempla a segurança no trânsito. Os alunos aprovaram a iniciativa e acreditam que é muito importante conhecer para colocar em prática essas lições do que é certo no trânsito. “O Detran/SE só vem agregar para mobilizarmos estudos que ajudem a evitar os acidentes de trânsito”, enfatizou o estudante Igor Felipe.

Fonte: Ascom Detran/SE

Comente: