Produção de frango deve aumentar em 3,8% até 2016

A produção de carne de frango no Brasil deve aumentar em 3,8% até 2016 e atingir 13,5 milhões de toneladas do produto, segundo estimativas do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). Este crescimento será impulsionado, principalmente, pela demanda externa diante desvalorização do real e da abertura de novos mercados.

As exportações de frango registraram números recordes nos últimos meses. Uma das razões, segundo o USDA, é o surto de gripe aviária nos países produtores, como os EUA, que contribuíram para maior competitividade do Brasil no mercado, já que o país nunca registrou foco da enfermidade. Atualmente, o Brasil está habilitado a exportar para 158 países.

O USDA ainda aponta que o consumo interno também deve sustentar a produção nacional. Com a crise econômica brasileira, a demanda por proteínas mais barata s, como a carne de frango, vem aumentando significativamente neste período.

Sobre os custos de produção, o USDA estima uma redução em 3% e 4%, devido à previsão dos preços estáveis e maior oferta de grãos.

Comente: